Artigo

Magickando – Estudando o Liber Null #01 – Cinco Coisas, Liber MMM e Banimentos.

Praise the Sun galera!

Estamos no Solstício de Verão! Bora Praisar o Sol que segundo o comediante George Carlin, se tem algo que merece ser adorado é essa bola de fogo no céu, e lembre-se, ele era ateu.

Vamos começar HOJE a Birosca! Ai vai alguns conselhos, práticas e organizações gerais para o esqueminha!

Pegue o Seu Diário Mágicko ou Livro das Sombras, e vamos fazer umas anotações ai!

Ah, só uma coisa, ler muito bem, escrever bem e interpretar magnificamente bem é essencial na Magia, se você tem dificuldades nessa área, vamos pensar como resolver isso ai.

Agora, com o seu Diário Magicko/Livro das sombras, faça um resumo mahomenos de como você entende as seguintes coisas e anote, copie completamente o COISA 05 e escreva em um cantinho dele “Ritual”.

COISA 01 – NÃO SOMOS UM CULTO

Estamos aqui na condição de Grupo de Estudos, tecnicamente uma organização horizontal, porém com um direcionamento feito por Ju Ponzi, Meg, Keller e o brother Will, com consultoria e apoio do Senhor Penumbra, mas todos tem voz e devem usá-la. Outra coisa, TODO esse processo esta baseado nas experiências que os quatro supracitados, com eventuais inserções do Sr Penumbra passaram, então existem outras formas de se ver e praticar a magia ou os exercícios, nós estamos passando principalmente as vivências de Keller, Ju, Meg, e o brother Will, se a sua for diferente, muito provavelmente ela é apenas isso, diferente. Se funciona para você ótimo, compartilhe conosco que experimentamos, mas essa bagaça é metafísica demais para ter um certo absoluto ou um errado absoluto.

Não vamos te dar graus em ordem nenhuma (pois não somos uma), não estamos prometendo sucesso, fracasso nem sexo (o que mais é prometido por ai) não queremos seu dinheiro (mas por favor, paguem o Apoia.se que realiza tudo isso e o MF, beijos Andrei).

Não vamos forçar absolutamente nada, vá até onde se sentir confortável, não há falhas nem sucessos específicos, há a experiência do processo. Se por qualquer motivo determinada coisa, informação ou prática te incomodar e quiser dialogar, temos meninos e meninas na parada para acolher você da melhor forma possível, e lembrando, você não é obrigado a nada. E não importa a sua crença, se quiser experimentar a parada, cola conosco.
Somos um grupo de amigos que estão estudando uma coisa bacana.


COISA 02 – O QUE VOCÊ QUER COM ISSO?

Essa pergunta é importante para você não se frustrar com o processo. O que você quer com o Estudo da Magia e do Liber Null? Soltar bolas de fogo? Controlar a própria vida? Conquistar o coração do Andrei? Beijar os lábios de Mel do Lucas Balaminut? Pense um pouco, seja sincero contigo, observe seus objetivos, e escreva-os no seu Diário Mágicko.

Volte a ele no meio e no fim desse processo de estudos, só para sacar o que você realizou, o que não realizou, se você continua com os mesmos objetivos e princípios.

E dependendo do seu objetivo, pergunte-se, por que estou recorrendo aos estudos mágickos para isso? Obviamente, só você pode responder, magia é um role para dentro de si.

COISA 03 – ROTINA!

“Ain! Rotina, mas eu achei que era magia do caos, quero baderna, anarquia, tocar o fogo na parada”. Deixa de ser besta se tu pensa assim. Caos é uma forma sutil de ordem, que organiza seu micro para relacionar e influenciar o macro, anarquia é a ausência de leis totalizantes e a liberdade para legislar a si mesmo, baderna é uma palavra em português brasileiro que homenageia uma dançaria chamada Maria Baderna, extremamente organizada e centrada em sua dança, que introduziu danças afro em seus passos clássicos e gostava de festa, e se o fogo que você quer tocar é a sua Vontade, não pode ser uma parada desfocada. Então, teremos rotina.

O Liber MMM, primeira parte do Liber Null NÃO É tipo videogame com savepoint automático então não vai rolar fazer o exercício de Imobilidade, Savepoint, Respiração, Savepoint, Não-Pensamento, Savepoint, completei. Nada disso criança, o Liber MMM ta mais para o jogo do Sonic do Mega Drive, sempre retornamos a primeira fase, sem savepoint. Os exercícios do Liber MMM serão feitos a vida inteira. Dê atenção a eles, vamos dedicar AO MENOS 30 dias para praticá-los e anotar seus efeitos, e apenas eles, depois vamos indo pelo livro e mesmo assim, vamos continuar fazendo os exercícios dele. Prepare-se.

Isso é importante para seu corpo se acostumar e automatizar alguns dos exercícios, como o corpo de um atleta ou de um ator automatiza algumas funções. Não desista, VONTADE é importante PRACARALEO na magia.

01-soul-consciousness-spiritual-ascension-to-5d

COISA 04 – COMO PROCEDER

Ai vai uma proposta de como proceder os estudos do Liber MMM, lógico, você pode adaptar como quiser:

PRIMEIROS 7 DIAS
Separe uma hora (1h) por dia (não precisa ser mais, mas tente não ser menos de uns 40 minutos, se você não consegue dispor deste tempo, reveja se você quer mesmo fazer o Liber Null), foque nos exercícios de Imobilidade, Respiração e Não-Pensamento, realize-os pelo menos umas 3x , e depois arrisque misturar os 3 em um só. Tente não mexer a língua e os olhos, mas se não rolar, de boa, mas tente (olhos foque um ponto, língua posicione a ponta pressionando levemente o céu da boca pouco depois da arcada dentária, ajuda a parar a língua e diminui a salivação).
SEGUNDOS 7 DIAS
Continue fazendo os exercícios anteriores, mas vamos aprender técnicas de Banimento, um RITUAL DE VERDADE, a explicação dele passo-a-passo vai estar no COISA 04 à seguir.
TERCEIROS 7 DIAS
Antes da práticas mágicas, aquela 1h por dia lembra? Vamos fazer o Banimento antes de todas as práticas mágicas e tbm depois delas. Agora vamos nos dedicar aos exercícios de Transe Mágico, Concentração em Objetos, Concentração em Sons e Concentração em Imagens. Para esse vamos usar os QUARTOS 7 DIAS também.
QUARTOS 7 DIAS
Estamos fazendo o exercício anterior!
E Então: Teremos acabado os exercícios básicos do Liber MMM, e vamos bater um papo sobre o Metamorfose, Magia/Sigilos (essa porra é foda) e Sonhos. Juntos bolaremos as formas de discussão dos capítulos seguintes, dependendo da quantidade de pessoas, por Hangouts, ou outra plataforma.

COISA 05 – BANIMENTO!

Banimentos são um espécie de Camisinha metafísica (pense nas implicações filosóficas dessa afirmação imperativa e categórica). Faça magia com segurança.

Banimentos é uma forma de salvaguardar a sua mente cotidiana, ela cria um “espaço-tempo” especial para a prática mágica, deixando a descrença e outras egrégoras dormentes enquanto de prepara para essa nova egrégora.

Em termos menos metafísicos ela impede que no meio do rito ou dos estudos você comece a lembrar da conta de água, do namorado/namorada, da pilha de papel que te espera no trabalho. E impede que no trabalho, na fila para pagar a conta e com o namorado/namorada você comece a conversar com divindades. Ela separa um lugar para cada coisa.

Existem muitos rituais de Banimentos, por muito tempo eu usei o Ritual Menor do Pentagrama (RMP, usado pela Golden Dawn e OTO), mas estou tendo incríveis resultados com um mais simples chamado Ritual Gnóstico do Pentagrama (RGP, mais usado pela Iluminates of Thanateros), que é o que vou passar para vocês, tem também o Estrela Rubi (dos Thelemitas) por ai. Mas o RGP é bem neutro de crenças e símbolos, tornando mais prático, além de que também é uma amalgama do RMP e do Ritual do Pilar do Meio.

Novamente, existem receitas diferentes de Banimentos, essa é uma versão do RGP, você pode achar outras por ai, virando em outros sentidos, mudando a ordem de alguma coisa.

Ritual Gnóstico do Pentagrama
Respire profundamente umas três vezes, na ultima vamos mentalizar radiâncias em cinco centros vitais de nosso corpo (relacionados com os chakras). Cada radiância é acompanhada com a vibração de uma vogal e deve causar uma sensação específica no momento de sua entoação. As vogais são vibradas como mantras no momento da exalação (técnica conhecida como pranayama).

Aqui estamos aplicando o conceito de que “O corpo deve ser tocado como um instrumento musical, com cada parte ressonando de acordo com um tom.”

Realizado tal processo, deve-se traçar em sentido horário um pentagrama para cada um dos quatro cantos (leste, sul, oeste, norte). Ao concluí-los, deve-se novamente voltar ao início e entoar novamente as vogais.

Segue o procedimento do ritual:

1) De pé, para qualquer direção que prefira (Eu me acostumei com o leste ou para o lado da janela no local)
2) Inspire profundamente. Exale lentamente, sustentando o som “I”, enquanto visualiza uma energia radiante na região da cabeça.
3) Inspire profundamente. Exale lentamente, sustentando o som “E”, enquanto visualiza uma energia radiante na região da garganta.
4) Inspire profundamente. Exale lentamente, sustentando o som “A”, enquanto visualiza uma energia radiante na região do coração e dos pulmões, que se espalha para os membros.
5) Inspire profundamente. Exale lentamente, sustentando o som “O”, enquanto visualiza uma energia radiante na região da barriga.
6) Inspire profundamente. Exale lentamente, sustentando o som “U”, enquanto visualiza uma energia radiante na região entre a genitália e o ânus.
7) Repita o 6). Então o 5), 4), 3), 2), repetindo de trás para frente, até chegar à cabeça.
8) Inspire profundamente. Exale lentamente, repetindo o mantra IEAOU, enquanto desenha o pentagrama no ar, com o braço direito. O pentagrama deve ser visualizado com muita nitidez (me acostumei a visualiza-lo na cor azul-elétrico).
9) Vire para o próximo quadrante e repita o 8), então, desenhe os pentagramas restantes com os mantras e as visualizações, até chegar ao ponto de partida.
10) Repita os números 2) até o 7), inclusive.

E é isso.

Beijo no coração, Duvidas nos comentários, Inbox de qualquer um de nós quatro ou no Telegram/whatsapp quem ta no grupo do Whats do Mundo Freak, eu e a Ju estamos por lá.

Beijos e Sucesso.

MUNDO FREAK NO APOIA.SE