Mundo Freak Confidencial 94 – A Bruxa, Black Phillip e o papel do feminino no séc XVII

Nesse primeiro semestre de 2016 fomos agraciados com um excelente filme de suspense, A Bruxa. Nele discutiremos o papel do feminino no séc XVII, como funcionava a crença do credo das bruxas, de onde surgiu e qual o contexto histórico que influenciou todas as atrocidades cometidas na época pelo cristianismo com mulheres e o paganismo de maneira geral.

Nesse episódio do Mundo Freak Confidencial, o investigador Andrei Fernandes se une para morar sozinho no meio do mato com Marcos Keller, Juliana Ponzilacqua, Rafael Jacaúna e Nando Ticon (Fortaleza Vermelhae elegem um dos filmes mais legais de horror dos últimos anos, fazendo um apanhado geral do que faz um bom filme do gênero, os problemas da geração atual e o que esperamos pros próximos filmes.

Não contém spoiler até o minuto 29.

Black Phillip, Black Phillip
A crown grows out his head,
Black Phillip, Black Phillip
To nanny queen is wed.
Jump to the fence post,
Running in the stall.
Black Phillip, Black Phillip
King of all.
Black Phillip, Black Phillip
King of sky and land,
Black Phillip, Black Phillip
King of sea and sand.
We are ye servants,
We are ye men.
Black Phillip eats the lions
From the lions’ den.

goat-rungif

Download do episódio compactado em formato RAR. Clique aqui com o botão direita e selecione “Salvar Link Como”.

Comentado nos recados!

Comentado no episódio!

banner

assineCole esse linno seu agregador de feed ou no iTunes na opção “Assinar Podcast” na aba “Avançado“. Se seu iTunes for o mais atualizado apenas coloque “Assinar podcast” na primeira aba do menu. Ou assinar direto pela iTunes Store, clicando nesse link.

E-mail

Se quiser assinar nossos programas e receber mensagens quando um novo episódio é lançado, faça o seguinte:

  1.  Clique no botão abaixo!
  2. Uma nova janela irá se abrir, então clique em “Use Recipe”!
  3. Efetue o cadastro com o e-mail que use com frequência e ao final clique em “Create Account” 
  4. Clique novamente em “Use Recipe” e pronto!

IFTTT Recipe: Receba os episódios do Mundo Freak por e-mail! connects feed to email

msg

Entre em contato com a gente, deixe seu comentário, sua revolta ou sua solução! Mande e-mails com sugestões, críticas, elogios, spams para contato@mundofreak.com.br ou siga-nos Pelo Twitter e curta nossa página do facebook.

Sobre Andrei Fernandes

Ver todos os posts

Designer, Ilustrador, aspirante a escritor, blogueiro e freak nas horas vagas!

286 Comentários

Participe da conversa →

Facebook

comentários

  • Diego Gonçalves Teixeira

    Opaaaa bora ouvir

  • Sir Jones Kast, Ph.D.

    Por que o bode é tão associado ao ocultismo, satanismo e afins? Adoro comer bode assado.

    • Imagens animais eram associados a divindades e entidades metafísicas em várias culturas descentralizadas antigamente. Aí veio o cristianismo classificando todo tipo de culto como paganismo, e a imagem do animal tomou esse característica. Pro ocultismo não sei.

      Bode é bom? Tipo carneiro? Pocha carneiro é muito bom.

      • Sir Jones Kast, Ph.D.

        Bode cozinhado é bom, assado é fenomenal, espetacular, a carne mais gostosa e saborosa, a gordura, não uma carne em nenhum churrasco que supere o sabor. Porém, o bode tem que ser novo ou capato, se velho os testículos deixam o cheiro forte na carne e fudeu, dá para comer, mas…

        Quando vier ao NE, interior, principalmente aqui de PE, procure uma boa carninha de bode assada. Vai comer com as mãos nuas e lamber os dedos e pedir BIS. É tradicional e a maioria dos restaurantes, botecos, bares e o carai a 4 oferece uma boa carne de bode assado.

        Carneiro é bom, mas não se compara. Bode assado é outro nível.

        Não tem um demOnho ‘baforento’ que tem a imagem de um bode? Foi o Cristianismo que deu essa imagem à ele?

        • Dizer “o cristianismo” é um pouxo genérico. Mas de forma bem simplista, sim. Demonificaram muitas imagens paganistas, como a do bode.

          • Sir Jones Kast, Ph.D.

            Hum.

        • Cara, tu me deixou com água na boca. Sério. Deu muita fome aqui agora!

          • Sir Jones Kast, Ph.D.

            Até eu estou, nunca mais comi um bodinho assado. Acho que hoje à noite após o trampo foi comer um.
            É bom mesmo, gente de todo lugar procuram carne de bode assada quando vem para o NE e interior do estado de PE.

            Homi venha, logo, se aprochegue e venha se lambuzar nas banhas de um bodinho assado.

    • Jacarepaguá – FÊNIX Reptiliana

      Acho que tinha uma divindade celta(Cernunnos, se não me engano) que a igreja diabolizou com o passar dos anos, virando Baphomet, que era um bode com formas formas humanas, algo bem antropológico. Posso estar errado e serem entidades diferentes. Razão da dúvida: Não to afim de procurar com certeza.

      • Sir Jones Kast, Ph.D.

        Fala, meu jacaré!
        Isso, esse que falei abaixo, o “Baforento”.

        Há também os “deuses” gregos como PAN, metade bode…

        • Jacarepaguá – FÊNIX Reptiliana

          Koeh, partiu papo num café, que é meu papo? ♫

          A divindade celta que eu citei, descobri que era Wicca, segundo o Doutor Internet. Prato cheio para a diabolificação que a igreja fez no passado.

          • Sir Jones Kast, Ph.D.

            Wicca perdeu moral com a modinha entre adolescentes.

          • Jacarepaguá – Avatar da Treta

            Ah eu conheço uma rapaziada mais raiz, pessoal que celebra Mabon e afins. Pessoas que o black metal acaba fazendo a gente conhecer eventualmente.

          • Sir Jones Kast, Ph.D.

            Conhece? Rapaz, sai dessa vida…eheheh

          • Jacarepaguá – Avatar da Treta

            Porra, são gentes finissimas quando não tão tirando alguma vida animal(isso se extende a absolutamente tudo) em nome de alguma entidade com nome diferente. Pedi para filmar no dia que for Cthulu… Me mandaram a merda… T-T

          • Sir Jones Kast, Ph.D.

            Sacanagem sacrificar animais e nem me chamar para o churrasco.

            Mandaram foi? HUAhuahauah

          • Jacarepaguá – Avatar da Treta

            Mó merda.

      • Lucas_Aigar

        nop. Cernunos não tem ligação com o Baphomet. Mitra tem.

        • Jacarepaguá – Avatar da Treta

          Amigo, vc parece manjar, pode esclarecer para nós as não-relações e relações? Gostaria de adquirir esse conhecimento.

          • Lucas_Aigar

            Pois então, o Baphomet é um símbolo iniciático.

            E a figura que todos conhecemos hoje em dia é uma visão de Eliphas Lévi, que combinou elementos Mitraicos/Messiânicos e do Bode do Sabbath das bruxas europeias. Esse bode geralmente era o sacrifício ofertado a divindades, e era comido em seguida de forma ritualística.
            Há controvérsias sobre a origem do nome adorado por Templários, não se sabe se foi uma errata do nome “Mohammet” ou ainda a tradução de BaphoMetr (Pai Mitra). O culto de Mitra, Indo-iraniano era iniciático, e tinha como centro o sacrifício de um touro em grutas e cavernas. Esse sacrifício de touros, bodes e figuras com chifres foi comum em toda a área Indo-ariana e indo-europeia, sendo inclusos ainda cavalos e aves na lista.
            O Sacrifício do Bode do Sabbath Europeu provavelmente foi uma variação de cultos mais antigos, e era presente entre germânicos, celtiberos e irlandeses (A Irlanda tinha uma feira dedicada a um deus bode, Puck Fair). Claro, o deus cornudo que ficou famoso na ascensão Wiccana faz parte do contexto do Baphomet, mas suas origens estão mais ligadas a entidades solares e heróicas como Mitra no caso do esoterismo, ou até mesmo, para as concepções medievais europeias, Thor.

    • Marcos Keller

      Comentário do Lucas perfeito.

      E o bode esta associado aos cultos da fertilidade tbm e sabemos que o cristianismo medieval não pegava muito bem com essa coisa de sexo.
      Algumas das divindades associadas era por exemplo o Deus Cornífero (parte masculina da “Deusa”, divindade um tanto genérica representando o principio feminino natural), e Dionísio/Baco. Desses também surge grande parte da iconografia do diabo.

      • Sir Jones Kast, Ph.D.

        Hum…

  • Eu perdi de ir ver por motivos de: ninguém quis ir comigo mimimi >.<

    Esse MFC vai ficar guardadinho pra quando sair o DVD.

    • Vitor Urubatan

      E ai cara, já está de volta?

      • Sim! Com oferta de emprego novo na mão.

        • Vitor Urubatan

          Parabéns meu velho!
          E excelente que tenha voltado, tu faz falta cara hahaha!

          • Aaaaawwww <3 não fala assim que eu gamo.

          • Vitor Urubatan

            Hahaha!
            Seja bem vindo de volta!

    • Vamo ver juntos!! o/

      • Sir Jones Kast, Ph.D.

        Contigo eu vou. Mas não me culpe se não conseguir prestar atenção ao filme.

  • Henrique Tavares

    A primeira coisa que me ganhou no filme foi a música e uma sensação muito parecida com a de uma certa missão do Witcher 3. Eu não tenho problema nenhum com o final em si do filme, mas algo realmente me incomodou na maneira que terminou, como se tivesse faltado algo.

  • Vitor Urubatan

    Apesar de não ter curtido esse filme.
    Me inclino a ouvir por conta de ser meu querido MFC.
    Bora lá.

  • Meu próximo bicho de estimação vai muito se chamar Black Phillip.

  • Jacarepaguá – FÊNIX Reptiliana

    Curti ein, excelente filmes para conseguir uma fodinha nova. Dei valor. Esperando o Doutrinando na Rola parte 2.

  • Jacarepaguá – FÊNIX Reptiliana

    Btw, segunda eu escuto e volto pra comentar. Pq hj é dia de Peladinha, GordosCast e MDM.

    • Só queria deixar avisado que você não tá no MDM, deixando resposta nesse porque o comentário em questão eu apaguei.

      • Jacarepaguá – FÊNIX Reptiliana

        Qual? O da doutrina?

      • Sir Jones Kast, Ph.D.

        Eita, censura? Denúncia!!! Oh, wait…

        • Jacarepaguá – Avatar da Treta

          Acorda Brasil… ta ai para todo mundo ver!!

    • Sir Jones Kast, Ph.D.

      MdM? Só domingo.

      • Jacarepaguá – FÊNIX Reptiliana

        NASIC ta foda, demora muito, ele tem 1 trabalho, 1 único e ele falha… Btw, lek, tu acredita que o Andrei me censurou aqui? Eu falei uma sacanagenzinha de leve e ele veio todo AI-5 para cima de mim… Mo vacilão.

        • Sir Jones Kast, Ph.D.

          Tu escreveu o quê pra tanto?

          MdM desde que voltou “às origens”, tem atrasado demais os podcasts.

          • Jacarepaguá – FÊNIX Reptiliana

            Falei duma atividade fisica em duplas ou equipes de cunho prazeroso e de doutrinha baseada em membros anatômicos, dai ele apagou e me deu uma prensa.

          • Sir Jones Kast, Ph.D.

            Hum, deixa eu adivinhar…isso foi para uma das BeninAs que aqui estão?

            Não esquece que não estais no MdM, aqui não são o Búguima, são beninAs de verdade.

          • Jacarepaguá – FÊNIX Reptiliana

            Porra cara, e o pior que eu não referenciei ninguém daqui ou em lugar nenhum, falei que filme de terror é bom para conseguir uma atividade física em duplas ou equipes de cunho prazeroso(no diminutivo, o termo) e que é bom para doutrinar na anatomia… Apagou e me pós no paredão… E tipo, eu sou q nem o netflix, pelo nome não dá para saber se quer se eu sou menino ou menina.

          • Sir Jones Kast, Ph.D.

            Uma benina essa semana me convidou para assistir um filme, EM MINHA casa…perguntei qual…ela disse, escolha um, de TERROR.
            Uia!

          • Jacarepaguá – Avatar da Treta

            Ué, n é? Mas n pode falar aqui. Ele falo que n pode.

          • Sir Jones Kast, Ph.D.

            Não pode falar o quê?

          • Jacarepaguá – Avatar da Treta

            o ciclo da vida.

          • Jacarepaguá – Avatar da Treta

            Mas te da um papo show lek… Acho que a gente devia dar um call nas abigas para virem aqui namorar, em vez de ficar em post de lojinha… Alias, espera ele postar um sobre Ocultismo e Romero Britto e a gente invade… Cantando como… Oba obaaaa, É DE JACAREPAGUÁÁÁÁ… OBAA OBAAAA É DE JACAREPAGUÁÁÁÁ!!

          • Sir Jones Kast, Ph.D.

            HUAhUAhAuAHUAh, tô dentro!

          • Jacarepaguá – Avatar da Treta

            Bombar a área de comentários aqui do Andrei, vai ser show. Ja pensei até como divulgar la pra galera… “Gente, vamo la dar uma bombada no discus do MFC”… Suuuuuuuuuuuuuuuuuuuuucesso! o/

          • Sir Jones Kast, Ph.D.

            eita

          • Jacarepaguá – Avatar da Treta

            leleskão, fala tu.

          • Jacarepaguá – Avatar da Treta

            Espero q esse Regresso seja digno de oscar, ou pelo menos de kick no NASIC.

  • Vitor Urubatan

    Essa enganação aconteceu com o Sinais.
    É foda…

    • Sir Jones Kast, Ph.D.

      Qual? Sinais foi foda, só o final foi meio brochante.

      • Vitor Urubatan

        Rsss pow apesar de reconhecer falhas grandes no filme e o fato dele ter sido vedido de forma errada.
        O final é uma das coisas que mais gosto (Apesar que poderia melhorar algumas coisinhas).
        Agora como filme de alienígena é péssimo, o alienígena é apenas um detalhe e não o foco da trama.

        • Sir Jones Kast, Ph.D.

          Eu me imaginei no lugar daquela família e aqueles aliens assombrosos, me deram medo.
          No telhado, na festa de aniversário, no milharal…

          • Vitor Urubatan

            Cara milharal é ótimo para terror. Já fiz testes em RPGs e posso dizer que é um sucesso hahaha!
            E realmente a atmosfera do filme é muito legal.
            Inclusive as cenas que aparece muito pouco, aquilo é assustador rsss.

          • Sir Jones Kast, Ph.D.

            Sobre milharal, assista COLHEITA MALDITA, os primeiros filmes. Infelizmente os efeitos não envelheceram bem, mas era tenso pacas esses filmes.

          • Vitor Urubatan

            Cara eu assisti. Todos os filmes e recentemente.
            Rsss e cara sendo sincero, quando moleque achava sinistro, hoje em dia é foda. Não pelos efeitos, mas pela linguagem de se fazer cinema da época.
            Agora o tema realmente é foda.
            E infelizmente ainda não li o livro.

  • Jacarepaguá – FÊNIX Reptiliana

    Daew, cade a Agatha aqui na quebrada. costumava ter um flood pesado dela aqui? Ta liferulando @irl??

    • Sir Jones Kast, Ph.D.

      AAAAAA AAA A A ATRAIX DE VOOXXXEEEEAM

      • Jacarepaguá – FÊNIX Reptiliana

        Ah n acredito que eu dei esse mole…

        • Sir Jones Kast, Ph.D.

          HAUhauahua, e olha que anda no MdM…

          • Jacarepaguá – FÊNIX Reptiliana

            Foi a censura que falei mais cedo que me desconcertou. COmo assim lek… ta foda.

          • Sir Jones Kast, Ph.D.

            HAuHAUA

          • Jacarepaguá – Avatar da Treta

            Tá até la embaixo a mijada que ele me deu… feião. =/

  • Gleyson do Nascimento Gama

    Que podcast FODA. Concordo 100% com todos os comentários. O filme foi mal divulgado e infelizmente atraiu pessoas não sabem apreciar uma boa história de terror.

  • O rei da porra toda!!

    • Vitor Urubatan

      Rsss muito foda a ilustração.
      De quem é?

    • Vitor Urubatan

      Por rapaz ficou fantástica!
      Parabéns!

    • Sir Jones Kast, Ph.D.

      Caralho, foda. O pássaro acima dos chifres achei que estava sem bico, mas o bico está do outro lado.

      “Pai-de-chiqueiro coroado” – parece um maracatu rural nascendo.

      • Vitor Urubatan

        Caraca Maracatu hahaha!
        Isso me faz lembrar uma novela antiga da globo.
        Agora não consigo lembrar o nome, mas música da abertura o interprete cantava “maracatu, maracatu…” e assim repetidamente.

        • Sir Jones Kast, Ph.D.

          Vixe, também não me lembro qual era a música e novela, mas há vagas lembranças.

          • Vitor Urubatan

            Eu lembro que a abertura era uma mulher que virava água, terra e fogo. E atravessava vários obstáculos assim.
            E se não me engano é a mesma novela do “Caderudo” não sei se vai lembrar.

          • HAHAHAHAHA! Era sim, onde todo mundo falava inglês nordestinizado! Melhor inglês!

          • Sir Jones Kast, Ph.D.

            Era nessa que tinha uma “Amapola” com uma flor enorme nos cabelos?

          • Scarlet!! Que tinha a música “Nhá nhá is good, faz very well, of course my love, nhá nhá meu mel.”

          • Sir Jones Kast, Ph.D.

            HAUHAua…boas lembranças.

          • Vitor Urubatan

            Caraca lembrar é viver mesmo hahaha.

        • Era o tema de “A Indomada”, chama “Maracatudo”. Essa música é foda!
          https://www.youtube.com/watch?v=M4_ZJVrhUDM

          • Sir Jones Kast, Ph.D.

            “A Indoidada” – paródia do Casseta e Planeta, se mal me lembro.

          • Sir Jones Kast, Ph.D.

            ‘Reescutando’-a agora…que porra é essa de gritaria 0:20 – RolanaRolanaRola . tá cá muléstia!!!

            Batuque é foda, só faltou um cabloco de lança todo colorido.

          • Vitor Urubatan

            PORRA CARA! É essa mesmo! Valeu por lembrar hahaha!

        • Agora que você comentou, esse bico invertido me lembrou o Patolino
          https://media.giphy.com/media/h1vw4H3DRyhFK/giphy.gif

          • Vitor Urubatan

            Eu comentei rsss?

      • O bico invertido me lembrou o Patolino após uma bomba explodir na cara dele. LOL

    • Agatha Gonçalves

      Que ilustra linda ♥ Já tá de capa no meu cel hahaha
      Espero que não se importe

      • Sir Jones Kast, Ph.D.

        PAGUE

        • Agatha Gonçalves

          Foi!

          • Sir Jones Kast, Ph.D.

            Eita…já ia me candidatar para ser empresario dele, mas fazendo caridade assim, não dá.

          • Agatha Gonçalves

            Pois é, mas eu entendo ele. As vezes também dou umas artes de free.

          • Sir Jones Kast, Ph.D.

            Dá pra mim, então! Uma arte…

          • Agatha Gonçalves

            Eu não. Você não merece.

          • Jacarepaguá – Avatar da Treta

            Abre um Patreon da galera.

          • Agatha Gonçalves

            Boa

          • Sir Jones Kast, Ph.D.

            Poxa, magoou…=(
            O que eu preciso fazer, então, para merecer?

          • Agatha Gonçalves

            Me surpreenda hAshIUAshIUHAs

          • Jacarepaguá – Avatar da Treta

            Essa parada é única ou se estende pra galera?

          • Agatha Gonçalves

            Única hahah

          • Jacarepaguá – Avatar da Treta

            Bu bu bu qual foi qual foi?? =O

          • Agatha Gonçalves

            Jacaré, vai dormir que seu mal é sono hahahaha

          • Jacarepaguá – Avatar da Treta

            To me sentindo oprimido aqui… Segura essa peteca ai rapidão… Alô, é do Ibama?? Sim, a zueira ta muito forte aqui, pode mandar.

          • Agatha Gonçalves

            Depois dessa vou até ir para outro podcast hahaha Fui

          • Jacarepaguá – Avatar da Treta

            Opa, chegou onde eu queria, escuta esse aqui que é show… http://www.mitografias.com.br/2016/03/papo-lendario-137-mago-a-ascensao/

          • Jacarepaguá – Avatar da Treta

            Alias, o ep dessa semana que eu te mandei ta fenomenal.

          • Agatha Gonçalves

            Como não amar o Mitografias?
            Ele me ajudou a fazer um projeto final na faculdade que estava sendo foda fazer.

          • Jacarepaguá – Avatar da Treta

            Sim sim, e ta falando de Mago, que é melhor que quase tudo na vida… HUAUHAUHAUHAUHA, ok, exagerei. Keller ta lá somando no programa tbm.

          • Agatha Gonçalves

            Estou ouvindo aqui. Só conheço NERRRRRRRRD. Pelo amor.

          • Jacarepaguá – Avatar da Treta

            Tecnicamente, eu sou furry por causa do avatar… É um nível abaixo… xP

          • Agatha Gonçalves

            OMG, estou vivendo para ver essa coisas haha

          • Jacarepaguá – Avatar da Treta

            É um personaaaaaagem… Nem sou. =)

          • Jacarepaguá – Avatar da Treta

            A gente samo nerd, mas samo divertido. Éh noiz que tah. #tan tan ti tan tan ran tan…

          • Agatha Gonçalves

            ahhahahhahah nem bateu a cabeça na parede quando criança, maaagina.

          • Jacarepaguá – Avatar da Treta

            Só sei que nada sei, e o fato de saber isso, me coloca em vantagem sobre aqueles que acham que sabem alguma coisa.

          • Agatha Gonçalves

            aaaaaaaaaaa, ok ne

      • Hhahahahua obrigado Agatha! Fique à vontade! =)

        • Sir Jones Kast, Ph.D.

          Cobra, cabra, ganha um tutu$

        • Agatha Gonçalves

          Eba!

    • Cara essa arte é maravilhosa, acho que vou fazer um mini-travesseiro pfv @Andreizilla:disqus compra os direitos da arte pra produzir coisas tá lindo demais

  • Vitor Urubatan

    (Esse comentário possui SPOILER, só para não estragar a experiência de quem quer curtir o filme. Independente se gostei ou não.)



    Bom dia Andrei e galera do MFC.

    Gostaria de mandar esse comentário na intenção de compartilhar minha experiência com esse filme.

    Primeiramente acho válido começar por pelos pontos positivos do filme, nos quais observei e devo explicitamente expressar:

    * A atuação dos atores e atrizes (Isso inclui os mirins) é realmente fantástica. Não só pela contextualização da época, mas a forma que conduzem seus personagens nas expressões, falas e reações diante dos fatos. (Uma das minhas cenas favoritas é o pai arrependido de ter levado a família para aquele lugar, e no momento que o mesmo chora se humilhando e comendo terra é muito forte)

    * As cenas abertas e os cortes de cenas ou da edição. Cara, em certos momentos o filme não tem a presença da música e mesmo assim a abertura da fotografia do filme permite você se sentir aquele ambiente estreito e pesado mesmo em lugares abertos (Acho que Andrei mencionou isso em um post). O filme visualmente sem som ou diálogo consegue te oprimir com aquela atmosfera.

    * O clima do filme. Como citado antes, o filme tem um mérito de te colocar na pele dos personagens. E é um mérito foda quando um filme consegue fazer isso, você se imaginar ali naquela situação de merda.

    * A trilha sonora e sonoplastia. Esse é para mim o maior mérito do filme, a trilha é colocada na tensão da situação e não para o preparo do susto. E isso para mim é muito mais legal que você assustar naquele momento. A tensão gradual faz o espectador ficar tenso, quase como uma tortura vagarosa. Diferente do susto que é quase como “matar com um golpe só”. E nesse filme felizmente houve essa característica de manter a pessoa nervosa e tensa.

    • Sir Jones Kast, Ph.D.

      Preguiça de ler tudo isso agora.

      • Vitor Urubatan

        Hahaha, foi mal cara.
        Ainda tentei resumir muita coisa. Queria comparar elementos narrativos do Sexto Sentido para com esse filme, caso houvesse contra argumentos referente a minha crítica rsss.

        • Sir Jones Kast, Ph.D.

          Ainda não vi esse filme e não ouvi o cast, mas já fiz o down, do cast. Depois leio esse seu comentário. Devo escutar o cast antes?

          • Vitor Urubatan

            Não cara.
            Assisti o filme e não leia ou ouça nada.
            Esteja “puro” de pensamentos. Ai tu volta, ouve o cast e depois participa dos comentários.

            Assim tu podes dar um parecer mais genuíno do que achou da parada.
            Mas volta para ouvir e comentar hahaha!

          • Sir Jones Kast, Ph.D.

            Hum, obrigado, farei isso então.

  • Certamente ele escuta MFC

  • Galera animada com o excelente novo episódio >.>

    • Juliana Ponzilacqua

      melhor gif! <3

    • Jacarepaguá – FÊNIX Reptiliana

      Diversão mil, gente descolada e legal.

    • Sir Jones Kast, Ph.D.

      Stuart postou abaixo a abertura da Indomada, olha só com a música COMBINA/CASA com essa GIF:

      https://www.youtube.com/watch?time_continue=135&v=M4_ZJVrhUDM

      • Sir Jones Kast, Ph.D.

        @olastuart:disqus

      • Marcos Keller

        hahahahahahhaahahahaa

  • Gabirotcho

    Aeeeee! Consegui um Achievement! hahahah, Valeu Andrei, falei brincando da menção, fiquei muito surpreso quando me mencionou!
    E pra informação do senhor, sou ouvinte ferrenho sim desta bagaça! Abraço, e continuem com o ótimo trabalho!
    Abraços!

  • Dani Medeiros

    A minha felicidade de notar que existem pessoas que notaram as mesmas coisas que eu. Fiquei o cast inteiro falando: sim, sim! É isso, porque as pessoas não viram isso?

    O filme tem muita simbologia e eu não acho que o público dos filmes de sustinho sabe apreciar. Ele tem muita coisa pra parar e pensar e a galera não tá preparada pra isso. Eu achei o filme muito bom em vários aspectos: técnicos, fotografia, colorização, roteiro. Mas assistir o filme no cinema atrapalha muito! Eu vi novamente em casa sozinha e percebi ainda mais coisas e me senti tão tensa quanto na primeira vez.

  • Rodrigo Paixão

    Eu não assisti ao filme. Mas pelo o que disseram no cast, me fizeram lembrar quando estava assistindo ao filme Sinais.
    O final é bem bosta sim e algumas coisas não fazem sentido. Portanto, não dá para assistir ele uma segunda vez.
    Mas, a tensão que ele me colocou, supera qualquer outro filme, de terror ou suspense.
    Claro, os games de terror, fazem isso muito melhor. Porém, isto é outro assunto.
    Abraço e parabéns pelo cast.

    • Vitor Urubatan

      Cara o Sinais sofre muito com o roteiro e com a forma que apresentam os argumentos.
      Quando eu assisti não fazia ideia que se tratavam de alienigenas e só fui sacar isso no meio do filme. Quando eu já estava envolvido com o drama daquelas pessoas. E cara eu reconheço que o filme é realmente falho em vários aspectos, mas ele passa a mensagem em várias das cenas icônicas.

      É um filme não tão bom, mas que eu gosto rsss.
      E sim, foi vendido como filme de ficção científica envolvendo alienígenas.

  • Cara..que cast EXCELENTE!

    Assisti esse filme há duas semanas e amei – quero ver de novo. Engraçado que ao terminar o filme, os adolescentes presentes na sala, saíram falando que o filme era o maior lixo. Lí alguns posts no Facebook falando a mesma coisa. Infelizmente o filme foi lançado como aquele terror que todo mundo tá acostumado ver, igual ao Good Night Mommy (outro filme excelente). :(

    O legal desse filme é aquela incerteza de que as crianças e/ou a Thomasin são realmente bruxos, ou se a única bruxa existente no filme é a da floresta.

    Uma coisa que eu notei no final de A Bruxa: quando a Thomasin está flutuando, me deu a impressão que a face dela, ao encontrar a escuridão, envelhecia. Não sei se só eu reparei nisso, mas achei muito foda.

    Eu torço pra que os diretores busquem fazer mais filmes como esse. Acredito que tem público e o pessoal que ama terror a lá Atividade Paranormal, pode passar a gostar também.

    • Jacarepaguá – FÊNIX Reptiliana

      Thomasin estrelando The Witch 2 como uma?? >D

      • Jonny Guest

        O diretor disse que não vai rolar continuação. Aliás, as pessoas falando sobre o final que queriam saber o que tinha adiante, se haveria continuação e ele disse algo tipo:
        “….Se eu quisesse saber o que vai além daquela cena, teria feito um filme mais longo”.

        AÍ É GROSSO, VIU! (mas certíssimo)

        • Jacarepaguá – FÊNIX Reptiliana

          Que maluco babaca… Ele podia evoluir o mundo até o 3, e depois fazer um encontro entre a Bruxa e o Bruxeiro. >D

          • Jonny Guest

            Não cara… não =O

          • Jacarepaguá – FÊNIX Reptiliana

            Me deixa viajar, aqui eu tenho liberdade de chamar a Cris de fenix e não sou banido. Deixa os garoto publicar!! ♫

        • Jacarepaguá – FÊNIX Reptiliana

          Mas tipo, uma continuação fazendo uma espiral da decadência da Thomasin ao caminho das trevas, de maneira abstrata, só com mensagens e afins… Mostrando como uma humana vira noiva de satã… E a terceira parte do filme, ela sendo levada por Salem para fogueira, ou fazendo uma inocente ir no lugar nela… Porra, mil possibilidades.

          • Mil possibilidades…de estragar a beleza e profundidade do primeiro filme…hehehe

          • Jacarepaguá – FÊNIX Reptiliana

            Sei lá, mostrando o que é se tornar uma bruxa, se é realmente um pacto com o diabo ou se é mera loucura desenvolvida por pressão social e religiosa na época. Nunca deixando claro se é Satã ou Freud. Tudo nas entrelinhas.

          • Acho que daí meio que perde o sentido do filme. Esse filme foi criado pra mostrar como foi a história dessa família pelos olhos cristãos.
            Não teria sentido mostrar como é se tornar uma bruxa, porque foge da “realidade”..não sei se tu me entende.

          • Jacarepaguá – FÊNIX Reptiliana

            Vc chegou no meu ponto agora… Cada filme teria um norte, esse primeiro, o lance da familia cristã, o segundo, como a solidão e o ressentimento(e o diabo talvez) podem afetar a vida de uma pessoa, e um terceiro, como o mal são as pessoas e como pode desencadear as trevas nas pessoas, fazendo um ciclo.

          • Talvez..mas e o medo de cagar tudo? Hahahahahahaha..mas deixa, nossa opinião não vai mudar o ponto de vista do autor.

          • Jacarepaguá – FÊNIX Reptiliana

            To indo la no twitter do diretor agora e levando nosso papo… me da 5 minutos que eu consigo uma continuação digna. =)

          • HAHAHAAHAHAHHA…feshow! o/

          • Jacarepaguá – FÊNIX Reptiliana

            Todo trabalhado na malemolência =P

        • Acho que tá certo ter apenas um filme.

          Sequências não tendem ser boas..

          • Jacarepaguá – FÊNIX Reptiliana

            Bom, nesse aspeto eu sou forçado a discordar, temos o Cavaleiro das Trevas(pós-Begins) ou Star Wars 5, dentre outros, que provam o contrário.

          • Desculpa..sequências de terror não tende a ser boas..hehehehe

          • Jacarepaguá – FÊNIX Reptiliana

            Ok, aqui vc realmente tem um ponto… Vou ter que puxar algum aqui na memória… Talvez o segundo Sexta-feira 13, quando era o Jason de verdade.

          • Hehehehehe..concordo. Mas é como falei, tendem..não que todos são ruins.

            Podem me julgar, mas eu gosto das sequências de Insidious. :x

          • Jacarepaguá – FÊNIX Reptiliana

            Não assisti ainda, tem ligação com o primeiro, o Malandrão lá consegue voltar para o corpo, ou o filme é um pre-quel??

          • Vitor Urubatan

            Rsss difíceis filmes de terror bons.
            Sequências então hahaha!

          • Exatamente, Vi!! Rsrs

    • Jonny Guest

      Rapaz, envelhecendo eu não notei, mas enquanto ela subia, claramente ela começava rindo/ansiosa, depois passando pra rindo/feliz/livre e por fim quando ela ria o rosto se torcia como medo/choro/sofrimento misturado com a felicidade. Eram micro-expressões mas achei essa cena fantástica!

      • Vitor Urubatan

        Verdade tinha essa leitura também.
        De que ela estava de alguma forma sofrendo… Ou como se a perda da família ainda fosse relevante. Não sei dizer…

        • Baaah..eu JURO que fiquei com a impressão que ela envelhecia e não que ficava com expressões de medo/sofrimento.

          • Jonny Guest

            Acho que por causa que vai ficando mais escuro a cena, o rosto dela. Mas essa transição entre liberdade / medo (ou mesmo a mistura dos dois) eu achei foda!

          • Juliana Ponzilacqua

            se posso me meter na discussão, acho que o rosto dela mostra o misto de sentimentos: felicidade, alívio e tristeza.
            ela se sente aliviada, “acolhida” mas, ao mesmo tempo, ainda sente falta daquele universo que era tão prejudicial a ela. Mas, ainda sim, era sua família. era seu berço. talvez a tristeza de ser tão hostilizada por aqueles que mais amava? talvez.

          • Vitor Urubatan

            O final desse filme pude ouvir Shalkan falando:
            “Ignorance Wins!”
            “Flawless Victory”

          • Juliana Ponzilacqua

            exatamente, Vitor. por isso, pra mim, o final é emblemático: quantas Thomasins não terão existido? Que foram forçadas a entrar na caixinha da “bruxa má”?
            E ainda: foi nessa caixinha onde elas, finalmente, se sentiram acolhidas.

            Era muito comum na época pós Maleus que se instaurassem julgamentos contra mulheres, e esses julgamentos demoravam a acontecer, porque além da presença do “administrador” do vilarejo, muitas vezes outros padres e investigadores de outras comunidades eram chamados. a “suspeita”, portanto, não contava com o benefício da dúvida e era sumariamente excluida do convívio da comunidade já ali. muitas vezes, a única saída era o isolamento… ou se reunir a outras mulheres que também estariam sendo acusadas.

          • Vitor Urubatan

            Isso quando não acontecia coisa pior.
            Mas o fato é que no filme em questão ao meu ver, parece ter um final muito sólido apesar de emblemático no que você acabara de dizer.

            Pois não há elementos que bifurquem o entendimento final. De que ela sofreu por um grande mal entendido e não pela a influência de uma força externa e desconhecida.

            OBS: Não sei se consegui ser claro, tenho problemas para me comunicar às vezes hahaha!

          • Juliana Ponzilacqua

            mas Vitor, é um filme de terror! é necessário o terror. e ali, a bruxa – ou melhor – as bruxas más com o bode satanildo fizeram o seu papel!
            senão fica só o documentário. ;)

          • Vitor Urubatan

            Eu entendo seu ponto de vista.
            Mas puts, seria tão legal se não fosse linear. Rsss eu queria tanto que não fosse.
            Mas enfim…

          • Juliana Ponzilacqua

            uhahuahuauhauha eu também entendo o seu, Vitor! :)

          • Vitor Urubatan

            Rsss é “nóis”!

          • Juliana Ponzilacqua

            o/

          • Jacarepaguá – FÊNIX Reptiliana

            “Shao Khan”, lek

          • Vitor Urubatan

            Obrigado rsss.

          • Sir Jones Kast, Ph.D.

            “Xô Cão” – Como dizemos aqui.

          • ISSO!!

          • Vitor Urubatan

            Então não só feições de dor, mas de alegria.
            É uma expressão mista e bem estranha.

          • Aham..de qualquer forma, independente do que tenha sido, foi sinistro.

      • Eu vou ter que ser obrigada (talvez não obrigada), a ver esse filme de novo. Pra poder constatar isso que tu falou.

        • Jonny Guest

          Pior que nem sei se esse é o tipo de filme que fica legal vendo mais de uma vez (tipo Sexto Sentido). Ele tem uma carga muito massa que se você aproveitou na primeira vez, talvez não tenha na segunda. Ou não, né! Vê lá e conta!

          • HAHAHAHAHAHA..vou ver de novo e te conto se A Bruxa é esse tipo de filme. ;)

          • Vitor Urubatan

            Tem alguns livros que tenho essa parada.

    • Só pra contribuir com seu comentário, o diretor Robert Eggers de A Bruxa foi contratado pela universal pra fazer um remake de Nosferatu, e um outro filme próprio dele.
      http://deadline.com/2015/07/nosferatu-the-witch-robert-eggers-studio-8-1201486438/

      https://media.giphy.com/media/Il5R7tjXSMpIQ/giphy.gif

  • Calavera™

    Olá pessoas!!!
    Devo esperar assistir o filme para depois ouvir o podcast, sejam honestos por favor.
    Pois esse tema muito me interessa…

    • Vitor Urubatan

      Cara serei sincero.
      Assista, tire suas conclusões, ouça e depois divida conosco.

      Não se polua com pensamentos paralelos.
      Talvez consiga captar coisas novas rsss quem sabe?!

      • Calavera™

        Muito obrigado pela dica amigo.
        Assim o farei!!!
        “I’ll be back”

        • Jacarepaguá – FÊNIX Reptiliana

          Não teve vale a pena ou dá pena ainda do filme, Calavera?

          • Calavera

            Cara não entendi sua pergunta, mas ainda não assisti.
            Estou numa série de entrevistas de emprego e provas e realmente, cinema está difícil de acompanhar…
            Mas vou assistir!!!

          • Jacarepaguá – FÊNIX Reptiliana

            Desculpa, acho que me perdi aqui, você não é o Calavera do Jurassicast? Foi mal brother, tem um podcast de cinema que um dos apresentadores tem esse sobrenome. E tem, um programa de análise de filmes, um drops, que se chama “Vale a pena ou dá pena”.

          • Calavera

            De boa!!!

    • O MFC de hoje tem quem? Quem? Quem? EU! o/

      PS: veja o filme antes de ouvir o podcast.

      • Cαlαvєяα

        Opa!!!
        Irei conferir nobre amigo…
        Valeu pela dica!!!

        • Obrigado você por ouvir minha voz de gralha gripada.

  • Luiza Briana

    Infelizmente não assisti o filme, porque não foi exibido em nenhum cinema próximo da minha cidade, como não me importo com spoilers o podcast saciou um pouco a vontade de assistir. O podcast ficou excelente, especialmente a participação da Juliana, gostei muito do posicionamento dela, e de tudo que ela agregou ao cast :)

    • Vitor Urubatan

      Podes crer.
      A Juliana é foda!

    • Juliana Ponzilacqua

      ai, gente. que legal! eu fico feliz que vocês ficaram satisfeitos com o meu posicionamento. tem taaaaanta coisa a se falar sobre o assunto, foi só um pouquinho.

      obrigada. <3

    • Juliana Ponzilacqua

      fico feliz que vocês ficaram satisfeitos com o meu posicionamento. tem taaaaanta coisa a se falar sobre o assunto, foi só um pouquinho.

      obrigada. <3

      • Vitor Urubatan

        Rsss pow cara é sempre muito legal quando tu participa.
        Acho legal sua opinião que sempre traz essas discussões que envolve as mulheres. Nem sempre é possível captar naturalmente por minha própria conta esses assuntos.

        Valeu por ter agregado como sempre faz cara.

    • Também gostei muuuito do posicionamento da Ju!

      Concordei com tudo o que ela disse – não é a toa que somos almas gêmeas. <3

      • inuyashagui

        E eu e ela quase nascemos no mesmo dia. Só um ano de diferença! Ganhei de você hahahaha

  • Zuke Skywalker

    Os cinemas daqui da região nunca trazem filmes de terror :( Vou ter que guardar este cast pra quando puder assistir em casa o filme… Morar na roça é foda, viu…

  • inuyashagui

    A Ju se despediu do cast em grande estilo: Com uma risada de bruxa que não foi forçada, foi bem natural!

    Zoeiras a parte, muito bom o cast. Estou sumido aqui dos comentários, mas em breve voltarei e farei a contagem bater os 500 comentários por episódio, pode aguardar Andrei!

  • Keilla Teixeira

    Os Infiltrados virou Os Impenetráveis… Alguém está vendo muito x-vídeos.

    No mais, bom cast gente. Não vi o filme pq peguei um bode de filme de terror anos atrás pq só aparecia pra ver filme de adolescentes cheios de hormônios se pegando no meio do mato que depois virava um hack’n slash ou gore. Coisa que eu abomino. Mas esse me parece bem interessante, com conteúdo e que gera discussões bacanas, vide a de vocês.

    • Sou péssimo com nomes. :(

      • Rodrigo Paixão

        Tbm sou André!
        Os Impenetráveis seria algum filme de caras fugindo de serem estuprados… não?

        • André é sacanagem. :( :(

          • Rodrigo Paixão

            o i virou !
            Coisa do demônio?

        • Sir Jones Kast, Ph.D.

          “Tbm sou André!”

          Ué, achei que era Rodrigo.

          • Rodrigo Paixão

            kkkkkkkkkkkkkkkk
            o que a falta de uma virgula faz!

    • Vitor Urubatan

      Impenetráveis hahaha!

      O Hack’n Slash Gore me lembrou:

  • Jacarepaguá – FÊNIX Reptiliana

    Sem sacanagem e forçando uma barra monstra agora… Ponho esse filme em pé de igualdade com Coração Satânico, de 87. Clássico do Inter Cine… Cheio de satanagem tbm e todo mundo se fode no final.

  • Jacarepaguá – FÊNIX Reptiliana

    Btw, se alimenta familiar com quintessência… Sangue e leite materno é foco para canalizar essa quintessência para o familiar.

    • Sir Jones Kast, Ph.D.

      Me fale mais sobre a “quintessência”.

      • Jacarepaguá – FÊNIX Reptiliana

        Deixa eu pegar o M20… já já te digo.

    • Juliana Ponzilacqua

      sim, Jacaré! é exatamente isso. eu não quis me alongar demais nessa explicação, mas a sua foi breve e corretíssima.

      • Jacarepaguá – FÊNIX Reptiliana

        It’s a kind of magick ♫ Verbena Barabbus total as do filme.

        • Juliana Ponzilacqua

          hahaha que belas referências o Jacaré me deu, Mago e Queen.
          só amor <3

          • Jacarepaguá – Avatar da Treta

            Pode me chamar de Steve Rogers querida, pq pode-se dizer que eu manjo das referências… Eu vivo pedindo pro AI-5, digo, Andrei fazer um MFC ou até o Zona Freak sobre MtAsc, mas ele me ignora… Fere meus sentimentos, sabe… T-T

          • Juliana Ponzilacqua

            aaaah, capitão américa? não que eu seja do time do iron man, mas eu não gosto de super herói certinho! podemos ficar apenas no Mago e no Queen? hehehe :)
            nossa, mfc de mago, de vampiro… seriam vários, com várias partes. muita coisa legal pra falar!

          • Jacarepaguá – Avatar da Treta

            Mas eu tenho meu lado sacana… É apaixonante. =)

            A parte filosófica por trás de Mago, tanta coisa que ele já disse aqui que é claro de onde os escritores tiraram para criar o livro(ou não, rsrsrs). Tem o Keller para debater, que manja dos “paranow ehs”… Tem o Del Debbio que já escreveu livros, digamos que, parecidos… Tanta coisa e tão variadas. Mas a visão de que é só um jogo acaba podando, uma pena… Mas tava debatendo com a rapaziada do Mitografias e eles curtiram a ideia, mesmo que dividida por trad.

          • Jacarepaguá – Avatar da Treta

            Minha querida, ouviram meu chamado…. Ficou muito bom e o Keller tá lá somando a conversa tbm.

            http://www.mitografias.com.br/2016/03/papo-lendario-137-mago-a-ascensao/

          • Juliana Ponzilacqua

            você foi mais rápido, Jacaré! vi isso e me lembrei de você!
            vou ouvir também. mas obrigada por avisar! :)

          • Jacarepaguá – Avatar da Treta

            Show.

  • Jacarepaguá – FÊNIX Reptiliana

    Btw 7… Segue a vídeo para memoria, correlação e humor…

    https://www.youtube.com/watch?v=L_NfCmTkLPQ

  • Super Suporte

    ultimamente o mfc está muito na vibe, “não vi mas ja gostei”

  • Agatha Gonçalves

    Antes de tudo o filme é DEMAIS, só que foi vendido de uma forma TOTALMENTE errada, mas como ouvi alguém falar que ele era bem cult, eu fui já imaginando que não seria um terror.
    O filme é estranho e angustiante. A hora que o filme terminou, eu olhei para o rosto do meu namorado e ele estava com os olhos arregalados haha
    Para o entendimento do filme é necessário o estudo, é preciso saber das histórias sobre as bruxas no século em que se passa, é necessário entender um pouco do misticismo, se não é apenas um drama, como vocês mesmo falaram.
    A trilha é F A N T Á S T I C A e ela carregou o filme todo. Vi muitas críticas pelo filme ser arrastado, mas acho que casou tanto com todos os acontecimentos. Uma das coisas que mais gostei foram os cortes rígidos, do nada mudar de cena. Isso se encontra muito em filmes mais antigos e definitivamente como falei ali em cima, para mim ele é um cult, um clássico.
    O que eu achei mais interessante disso tudo foi a nota no IMDb, que filme de terror/cult/drama/suspense que vocês conhecem (atual), que tem uma média de 7,4? É muito difícil (a não ser Invocação do Mal).
    Esse filme me impressionou em vários aspectos.
    O triste mesmo é as pessoas não entenderam as entrelinhas e falando em entrelinhas a Ju e o Keller estão de parabéns. O cast ficou fantástico.

    Beijoooos

    • Jacarepaguá – FÊNIX Reptiliana

      Chegou… o/

      Bem tava perguntando de ti mais cedo.

      Btw, koeh… =D

      • Agatha Gonçalves

        Quem chegou? O bode? Gosto dele!

        • Jacarepaguá – FÊNIX Reptiliana

          N po, vc, estranhei que tu n tinha brotado aqui na quebrada ainda. Só tava o Arroz, o Quase-deus-do-senhor-dos-aneis-batan e a rapaziada de sempre.

          • Agatha Gonçalves

            hahaha
            Muito trabalho dá nisso, mas cheguei.

          • Jacarepaguá – FÊNIX Reptiliana

            Trabalho n leva a nada n… Podcast que dá futuro, vem pra esse mundo que já já tu começa um livro.

          • Agatha Gonçalves

            Vacilo hahaha

          • Jacarepaguá – Avatar da Treta

            Oi? HUAUHAHUAUHAUHAHU

          • Agatha Gonçalves

            Um Jacaré sentiu minha falta, isso não é lindo?

          • Jacarepaguá – FÊNIX Reptiliana

            Te bater uma real, vou dizer que sou o tal, bater um papo num café ♫, meu papo? =D

          • Agatha Gonçalves

            Hahahaha só doido nesse MF

          • Jacarepaguá – Avatar da Treta

            WorldEstranho é isso ai querida… Só gente legal e descolada. o/

        • Sir Jones Kast, Ph.D.

          Também gosto dele, preferência assado, é uma delícia, friso.

          • Agatha Gonçalves

            Então você taá querendo comer o demônhooo?

          • Sir Jones Kast, Ph.D.

            HAUHAuAHUA, denúncia!!!

          • inuyashagui

            HAHAHAHAHAHAHAHA

    • Juliana Ponzilacqua

      valeu, Agatha! <3

      • Agatha Gonçalves

        Quero te ver mais por aqui :)
        Quer me dar aula de Alemão? ahahahaha

        • Juliana Ponzilacqua

          seria uma honra! ;)

          • Agatha Gonçalves

            Que lindeza!
            GENTEE, posso levar a Ju pra casa? haha

          • Juliana Ponzilacqua

            se você não ligar de eu levar um bodinho junto… eu vou!

          • Agatha Gonçalves

            Chegaaaa mais :)

    • Vitor Urubatan

      Rsss equipe de marketing FAIL again.

      E realmente essa nota é bem interessante para o que fora proposto.
      Agora invocação do mal é tão bom assim? Se for preciso assistir, A Bruxa me fez ficar ainda mais carente de obras de terror rsss.

      • Agatha Gonçalves

        FAIL mesmo hahaha
        A Invocação do Mal mexeu com tudo que me faz mal, por isso pra mim é tão apavorante.

        • Juliana Ponzilacqua

          eu nunca assisti a esse filme, sabia? eu tinha um bode (OPA) de filme de terror ultimamente.. fé que começou a ser restaurada com o ich seh, ich seh (Goodnight, Mommy)

          • Agatha Gonçalves

            Esse filme, esse filme. Não assisti ainda por medo.

          • Vitor Urubatan

            Do que se trata esse mommy ai?

        • Vitor Urubatan

          Cara esse eu preciso assistir. Vou ver se assisto com a Ágatha.

          • Agatha Gonçalves

            Esse é um terror mais comum, mas eu gosto muito dele.

    • Qualééé, eu fiquei sem parabéns das entrelinhas :(( brinks, mas eu concordo com você sobre o estudo e entendimento que a pessoa (preferencialmente) deveria ter antes de assistir, mas por outro lado, eu acho que ele despertou o interesse pra que se exista uma procura sobre o assunto. A trilha sonora foi um dos pontos altos do filme, me lembrou cenas do Arraste-me para o Inferno. Eu acho que com a apresentação no geral o filme deve sim entrar pras listas de filmes “clássicos” de terror e vai ser lembrado depois de anos.

      Sobre a nota, você pode pegar também a nota do Rotten Tomatos que tem a crítica especializada, com 89% de aprovação e uma coletânea de comentários -> http://www.rottentomatoes.com/m/the_witch_2016/

      É isso, obrigado por comentar e ouvir o cast :3

      • Agatha Gonçalves

        Eu amei esse site, não o conhecia. Sou apenas uma entusiasta hahaha
        Vou visitá-lo sempre agora.

        Você falou muito bem também, eu só não lembrava seu nome na hora do comentário uasuiauiauhsui Sim, sou péssima com nomes.

        E sobre as pessoas terem curiosidade sobre o filme eu ainda não sei, porque as pessoas são preguiçosas. Preferem ficar no “conforto”, no comodismo.
        Vamos esperar pra ver, igual a política haha

        Eu quem agradeço, vocês sempre acrescentando algo para mim.

  • Aqualad/Muleque-Piranha

    nesse podcast descobri que

    -pela quantidade de alho na minha comida-

    eu certamente sou judeu (~que é o masculino de bruxa~)

    mais um ótimo podcast
    https://i.kinja-img.com/gawker-media/image/upload/fio6nkh9rdtmio81zt9i.png

  • Exuca Verinha

    Sugestão de leitura: A Feiticeira, de Jules Michelet.

  • Ricardo Santos

    Pelas torrentes do caos e pelos dados lançados por Nimb, esse foi um excelente podcast. Mas só duas curiosidades dos bichos citados no podcast.

    1) Sobre a lebre ser um símbolo da bruxa, isso me lembrou que por algum motivo era comum ver em pergaminhos medievais, desenhos de lebres e coelhos matando pessoas. Como dito nesse vídeo (em inglês):

    https://www.youtube.com/watch?v=SY4X8lh_TM0

    2) No Brasil temos a festa do Bode Rei, que acontece todo ano na cidade de Cabaceiras no estado da Paraíba

    • Lebre sugestiva essa. hahah

    • Aqualad/Muleque-Piranha

      idade média …
      mais pra “idade loca”

      https://49.media.tumblr.com/439653d1617ce4e4274da0f057168412/tumblr_ndr8v883941u0k6deo1_500.gif

      – sim, monty pyton –

      • Vitor Urubatan

        Tem um game chamado Dragon’s Crown no qual esse coelho é um dos bosses mais fodas do jogo.
        Hahaha muito treta o bicho.

    • A ligação entre bruxas e lebres são presentes em 3 diferentes tradições nórdicas. Uma delas diz que bruxas conseguiam se transformar em lebres e atacar pessoas e animais. Tem mais sobre isso aqui -> https://www.jstor.org/stable/1260796 (inglês)

    • Lucas_Aigar

      A Lebre é um símbolo de fertilidade.
      Ela era símbolo dos Sidh, na Irlanda, e da deusa Eostre/Oster/Austron/Ostara (que deu origem ao coelhito da páscoa)
      Em algumas culturas orientais e mesoamericanas era ligada a Lua e seus mistérios.

  • Raul Mendonça Siqueira

    Até que enfim o Andrei tirou o Jacaúna da geladeira! Eu já estava achando que o demônio tinha buscado ele, ou que o Ashtar tinha levado ele pra passar umas férias em Sirius.
    Só falta a Ira voltar pra por devolta o cabresto no abestado do Andrei. XD
    Forte abraço a equipe mais freak da podosfera, menos pra Xuxa colombiana. lol
    Não olhem para trás…

    • E no seu, nada?

      • Raul Mendonça Siqueira

        No meu… ?

        • Aqualad/Muleque-Piranha

          nunca lutei tão forte contra meu instinto de comentarista do MDM

          devo resistir

  • OVATSUGXIV

    Muito bom o episódio, gostei bastante dessa formação.

    Aliás, deveriam criar a campanha #VoltaZé. Zé, nossa Glória Pires comentando filmes nos tempos remotos do podcast hahaha

  • Victor Mantovani

    Eu entendi que na cena da morte do Caleb, o que ele fala seria o sonho que Katherine diz que teve com Jesus, onde a graça dele era muito maior que um marido carinhoso…algo assim.

    PS: Assistam em uma sessão no meio da semana ou bem a noite, tive a infelicidade de ir no sábado as 19h e peguei uma sessão cheia de adolescentes com déficit de atenção, e isso quebra muito o clima do filme.

  • Raul Mendonça Siqueira

    Ae, hoje é véspera de sexta-feira santa!
    Tem que rolar um cast especial sobre o demônio e não pode faltar o Jacauna.
    Enquanto isso vou la buscar as coisas pro churrasco de amanhã.

  • Escutei agora, logo após ter assistido o filme.
    Antes do podcast tinha achado o filme bonito visualmente, mas com uma história confusa e um pouco arrastada. Depois do podcast quero assistir novamente. Ótimo programa!!!

  • Thayfon

    Depois de escuta esse cast o filme ficou bem melhor