Resenha

[Resenha] Apollo 18

Apollo 18 é um filme norte-americano de ficção científica/terror baseado numa suposta filmagem de uma missão secreta da NASA para a lua. O diretor Gonzalo López-Gallego se utilizou de uma série de conspirações baseada em três missões Apollo que supostamente existiram e foram canceladas sem motivos plausíveis pela NASA.

Se utilizando de uma filmagem conhecida como Mockumentary, onde eventos ficcionais são gravados em forma de documentário como em Bruxa de Blair e Cloverfield, o diretor conta a história de três astronautas americanos, o comandante Nathan Walker (Lloyd Owen), o tenente-coronel John Grey (Ryan Robbins) e o capitão Benjamin Anderson (Warren Christie), que vão oficialmente à lua coletar amostras de pedras lunares e instalar detectores de mísseis, mas após alguns eventos descobrem que não estão sozinhos.

Na primeira metade do filme o diretor abusa dos cortes de câmera e das interferências. Claro que assim como a qualidade baixa do vídeo para parecer que é algo vindo dos anos 60 foram escolhas feitas pelo o diretor, porém outros filmes do gênero que utilizam este recurso usam com moderação, portando a alta incidência que o recurso e utilizado neste filme, o torna um pouco cansativo para o espectador.

O roteiro tem uma boa premissa, mas o seu desenrolar é bem frustrante, pois tudo acontece tão rápido e sem muitas explicações que ficamos sem entender as motivações reais da NASA sobre a missão em si, “porque mandar astronautas para pegar pedrinhas e instalar detectores sem avisá-los que possivelmente há algo perigoso em solo lunar”.

A interação entre os personagens é boa, principalmente a parte claustrofóbica e a transformação de humor, mas, mesmo assim, senti a falta diálogos interessantes sobre a loucura de estar preso em um lugar totalmente inóspito.

Concluindo sem dar muitos spoilers o filme é interessante, mas decepciona no fim das contas. Para quem gosta de terror espacial, vale a pena assistir, pelas faltas de obras do gênero.

MUNDO FREAK NO APOIA.SE

A Fantástica Abdução de Artur Berlet | MFC 414