Ponto G 19 – Nina Simone

Denominada como  “Alta Sacerdotisa da Alma”, Nina Simone foi muito mais que uma musicista – ela foi um furacão da música e do manifesto em suas letras. Através dos seus acordes, gritou e chorou para que hoje sua história fosse narrada da mesma forma que um dia fosse chamada de contadora de histórias.

Escolha o melhor lugar que estiver e aperte o play, porque este programa foi feito para te tocar.

>>> Clique aqui e escute o programa anterior: Ponto G 18 – Thereza De Marzo<<< 

#MULHERESPODCASTERS

Compartilhe este programa com a hashtag #mulherespodcasters e ajude a divulgar o trabalho feito por mulheres na mídia podcast.

 

Playlist

Ben Sound – Jazz Piano
Nina Simone – Feeling Good
Stephan Siebert – When
Evgeny Grinko – it smells like Chamomile Tea
The Kyoto Connection – Hachiko The Faithful Dog

Créditos:

Apresentação: Ira Croft, Mirella Trevisan e Liliane Ribeiro
Pesquisa e pauta: Ira Croft
Edição: Kyuu
Direção de arte: Andrei Fernandes
Locução: Dani Freitas
Direção geral: Iracroft

Sobre Iracroft

Ver todos os posts

Nascida no planeta Blastófila Blasmóide, viajou pela Terra do Nunca para hoje escrever sobre seus sonhos.

14 Comentários

Participe da conversa →

Facebook

comentários

  • Tupa Guerra

    Que lindo já acordar com episódio esperando!! ❤❤❤

    • Ira Croft

      esse programa está de arrepiar

  • Sérgio Freire

    Nina Simone é amor!

    • Ira Croft

      e vida!

  • Nayanna de Oliveira

    Esse programa deixou meu coração quentinho. Nina Simone foi uma mulher incrível! Não sabia que tinha um documentário sobre ela no Netflix, vou catar hoje à noite.

    Não canso de agradecer por fazerem parte da podosfera e por falarem sobre mulheres incríveis como a Nina.

    • Ira Croft

      Valeu, Nay! É isso que a gente quer, mostrar a verdade sobre essas mulheres incríveis. <3

    • Lilium

      O que achou do documentário? Depois comenta :D ;D

  • Olá a todos,

    Faz um tempo que não comento mas tenho escutado os episódios.

    A história dela é de arrepiar, confesso que derramei umas boas lágrimas escutando o episódio.

    Ela foi incrível enquanto musicista, gostaria de escutar ela tocando música erudita em sua casa; e seus comentários sociais sobre a figura da mulher negra são muito fortes.

    As obras dela tem uma força, sem adentrar a questão das letras, ela sabia unir a rítmica a uma harmonia bem interessante com um equilíbrio entre uma estrutura harmônica bem amarrada, com um claro discurso rítmico, somada a uma capacidade de improvisação incrível.

    Parabéns pelo trabalho

    • Ira Croft

      Nossa, a Nina foi um evento da história, é muito talento e luta em uma só pessoa.

  • Gregori Maus

    uhhhul!! Minha artista preferida!!!

  • Marcelo Teixeira

    Nina Simone foi uma mulher fantástica que realmente se jogou naquilo que acreditava e se tornou uma das artistas mais notáveis que o mundo já conheceu.
    Parabéns pela escolha, meninas! Nina Simone realmente merecia um programa em sua homenagem.
    Beijos e até a próxima!
    Marcelo

    • Ira Croft

      Obrigada pelo comentário, impossível manter a neutralidade diante desta mulher <3

  • Evandne da Silva

    Uma biografia generosa e elogiosa não precisa ser uma seção de adulação.Ser um artista fantástico e com uma atuação social impressionante não faz de alguém um totem. Ela teve a grandeza de fazer de sua arte um manifesto,mesmo tendo prejuízos financeiros. Mas se arrastou numa relação abusiva, mesmo sofrendo agressões graves. A genialidade e a tolice, a grandeza e a baixeza andam de mãos dadas.Os excessos de álcool, drogas e distúrbios de humor estavam descritos lá atrás no problema XXX de Aristóteles.