Mundo Freak Confidencial 117 – O sombrio folclore brasileiro – Parte 01

As histórias que o povo conta são e sempre foram dignas de atenção, seja transmitindo informações importantes sobre a sociedade, como para deixar-nos afastados da parte mais sombria da natureza.

Em mais um episódio do Mundo Freak Confidencial, o investigador Andrei Fernandes, Rafael Jacaúna, Ira Croft e Andriolli Costa viajam para o mato para discutir sobre entidades sombrias, mitos sagrados e como isso afeta a vida de todos nós.

Download do episódio compactado em formato RAR. Clique aqui com o botão direita e selecione “Salvar Link Como”.

postsite

header-evento


Comentado nos recados!

Comentado no Episódio!

banner

assineCole esse linno seu agregador de feed ou no iTunes na opção “Assinar Podcast” na aba “Avançado“. Se seu iTunes for o mais atualizado apenas coloque “Assinar podcast” na primeira aba do menu. Ou assinar direto pela iTunes Store, clicando nesse link.

E-mail

Se quiser assinar nossos programas e receber mensagens quando um novo episódio é lançado, faça o seguinte:

  1.  Clique no botão abaixo!
  2. Uma nova janela irá se abrir, então clique em “Use Recipe”!
  3. Efetue o cadastro com o e-mail que use com frequência e ao final clique em “Create Account” 
  4. Clique novamente em “Use Recipe” e pronto!

IFTTT Recipe: Receba os episódios do Mundo Freak por e-mail! connects feed to email

msg

Entre em contato com a gente, deixe seu comentário, sua revolta ou sua solução! Mande e-mails com sugestões, críticas, elogios, spams para contato@mundofreak.com.br ou siga-nos Pelo Twitter e curta nossa página do facebook.

Sobre Andrei Fernandes

Ver todos os posts

Falando de podcast com muita ousadia, alegria e misantropia. Também autor do livro Kalciferum, chanceler supremo do Freakstão e morador de Setealém.

55 Comentários

Participe da conversa →

[fbcomments]
  • Quem?

    Me senti representado se citarem a Cuca.

    Btw, F5!… N, pera…

  • Quem?

    Opa, perfil errado, pera ai!!

  • Jacarepaguá – Avatar da Treta

    Agora sim… CUCA PORRA!! o/
    #TeamCuca

  • Paulo Silveira

    Com a benção de Tupã e a graça de Jaci, que tema.

  • Keilla Teixeira

    Tema muito promissor. Eu tenho um livro do André Vianco chamado Brasil Fantástico que pelo que entendi é um coletânea das histórias (ou seria estórias?) dos nossos personagens folclóricos. Ainda não li, tá na fila. Alguém conhece? É bom? Baixei pq tava de graça na Amazon e ninguém em são consciência recusa livo de graça hahahaha

    • Andriolli

      Oi, Keilla! Hehe, caí nessa também. O André escreveu o prefácio de Brasil Fantástico e é isso que está de graça na Amazon. Bem triste! Mas o livro completo é realmente muito bom.

  • Nyell Quantos

    Palhetas de guitarra/violão, saci adora cara, ele vive de comer isso na cidade, só pode.

  • Alvaro Caxone

    A felicidade da minha sexta é chegar no trabalho e ter um podcast pra baixar.

  • Quem?

    To sentindo esse mundo freak muito trevoso… Aguardo/Solicito programa sobre fadas, elfos, anjos e Gnomos… AAAAAHHHHH os gnomos… Eu vi gnomos… ha ha ha ha ha haaaaaaa.
    Eu vi duendes.

  • Quem?

    Btw, agenciamento pela Protons?? Venderam a alma para o Silmar… Depois não reclamem se sofrerem com assédio moral, como o sofrido pela Estrela e pela Bel. Isso sim foi uma decepção para mim… E sem piada escrota dessa vez…

  • Oioi gente

    Essa introdução foi MUITO boa.
    Ela me faz pensar a seguinte questão: Será que o folclore será perdido?
    Porq hoje em dia não vejo mais ninguém contando as histórias antigas. Existe o folclore moderno, mas nada envolve criaturas da floresta, normalmente envolve o medo de morar na cidade mesmo, como a história da seringa mesmo.

    Muito legal o cast e com certeza ficarei no aguardo do próximo.

    Beijos

    • Paulo Silveira

      As histórias vão mudar dependendo do local onde tu vá. Moro em Florianópolis, uma cidade grande (e linda) cheia de áreas naturais pra todo lado, com florestas, praias isoladas, etc. E aqui as lendas de bruxas são MUITO fortes, nas festas de família sempre chega ao assunto uma suspeita que tal pessoa é bruxa. É sério. Mas será que se fosse uma cidade mais “urbanizada” teríamos essas lendas ainda fortes hoje?
      Penso eu que o folclore iria mudar, e muito. As lendas iriam acompanhar o povo, afinal é ali que elas nascem.
      Não sei de onde tu é, mas chutaria uma grande metrópole. Se quiser histórias sobre criaturas da floresta, te convido a visitar as vilas isoladas aqui da ilha, que o negócio lá é tenso hauhauhahau

      • Henrique Tavares

        Posso confirmar o que o Paulo disse. “Ilha da Magia” tem esse sentido literal mesmo, eu às vezes sinto que tem uma aura especial por aqui.

      • Então, eu moro no interior de São Paulo e a maior parte da cidade é mato / cana-de-açúcar, mas mesmo assim não temos mais tantas histórias mais.

  • Glaucia Cruz

    Que episódio!! Estou ansiosa pela continuação!! Eu quero mais sobre a mula sem cabeça… Uma vez no meu bairro (eu moro quase no interior de SP, em Francisco Morato), surgiu um “boato” de que uma Mula Sem Cabeça estava aparecendo num campinho à meia noite nas sextas-feira. A galera toda ficou com muito medo, eu tinha uns 14 anos e sempre fui curiosa e eu fiquei sozinha (meus vizinhos da mesma idade me deixaram na mão) até 11:55 lá no campinho, mas confesso que o medo foi crescendo e eu não consegui esperar até meia noite. Até hoje eu me arrependo, será que eu ia ver alguma coisa mesmo? kkkk

    • Na minha cidade era essa mesma história, só que com o Chupa Cabra hahahahh

  • João Lucas dos Santos

    Vamos lá baixar pra ouvir na hora do almoço.

    Att,

  • Eu gostava muito da história do curupira e das sereias *-*

  • julio turatti

    Episódio sensacional!! Melhor tema dos últimos tempos!!

  • Kleber Oliveira

    Sempre que eu perdia um único pé de meia minha falava que era o saci que tinha roubado, e quando eu perguntava pq ele só levou uma, minha respondia “ha meu filho, o saci só tem um pé, pra que ele vai precisar de 2 meias?”

    • Aqui em casa ele sempre rouba meias. ahahahaha

      • Nyell Quantos

        Pri, quando vais fazer uma pauta sobre o projeto aurora, para o nosso deleite :)

  • Quem?

    Sério mesmo? Eu estou decepcionado com vcs. Ok, é dinheiro, é sustento de vcs… Mas n muda o fato da decepção que isso ta gerando em mim.

    • Bugu

      Eles devem estar preparando um podcast só sobre a Cuca.

      Não?

      • Quem?

        Não tem nada haver com isso Bu… Infelizmente é mais sério, o Andrei sabe do que eu to falando, mas eu, por mais tosco que comente aqui, tenho palavra e vou mantê-la e evitar ser banido de novo… Porém o que ocorreu foi agressivo para mim, já que eu fui partidário de uma causa no passado.

        • Você pode se decepcionar com os outros a vontade, mas aqui é a área de comentários do mundo freak, em especial podcast de folclore. Vamos evitar gerar treta desnecessária. Você tem as suas redes sociais pra meter o sarrafo em quem quiser.

          • Quem?

            Sarrafo n Andrei, apenas confrontar com alguns pontos que tenho(IMO) como verdade… Mas foda-se, n vai ser aqui mesmo. Vida que segue.

  • Bugu

    Só espero que não neguem a natureza bovina do Boi Tatá, que nem muita gente por aí faz, dizendo que ele é uma cobra de fogo.

    Todos sabemos que ele é um boi com cabeça de cobra, mais ou menos que nem a mula sem cabeça versão bovina. só que com cabeça

  • Valdo Alves

    Muito legal o cast! Leiam “Escola de Sacis” de DJ Carvalho, uma espécie de Harry potter da cultura brasileira!

  • Ander Navarro

    Show de cast!!! O Brasil é um lugar rico de histórias e lendas, realmente merece um cast especial com cada uma delas, ou por região também. Mais uma vez estão de parabéns!!!

    • Henrique Tavares

      Eu diria POR CIDADE.

  • Sparkster

    Uma Pequena Curiosidade.
    Na Franquia Monster Hunter, existe uma besta chamada Najarala, ela foi baseada no Mboi Tu’i (Um Monstro Gigante, meio serpente e meio papagaio), um dos setes monstros lendários da Mitologia Guarani.

    • Sir Jones Kast, Ph.D.

      Quais são os outros 6?

      • Sparkster

        Opa, em ordem de nascimento.

        Teiú-iaguá ( O Cão-Lagarto ) – Deus das cavernas, grutas e lagos – Normalmente descrito como um tipo de Hidra colossal (Corpo de Lagarto e Cabeças de Cachorro ).

        Mboi-Tu’i – Dito Acima – Deus da Vida Aquática e Eco sistema Marinho.

        Moñai – Deus do Ar, Um monstro que lembra uma serpente/dragão e que tem dois Chifres/Antenas em sua cabeça, com o qual ele controla as aves.

        Jaci Jaterê – Um tipo de entidade que lembra uma criança Loira e de olhos azuis. Protetor de Tesouros Escondidos, um tipo de Duende da America do Sul.

        Kurupi – Deus da Fertilidade e uma entidade que vive nos sonhos de todo escritor de Hentai japonês. Ele tem uma aparência relativamente humana, tirando algumas características bestiais, mas o que mais chama a atenção na lenda, é o tamanho de seu pênis que segundo as mesmas, ele enrola em varias voltas em torno do seu corpo, e detalhe, em todas as fontes da lenda, é descrito que ele caça e “violenta” caçadores e de vez em quando índios (Ele aparentemente tem preferencia por homens).

        Ao Ao – Deus das Colinas e Montanhas – Um tipo de Porco Selvagem gigantesco e monstruoso, ele adora devorar carne humana, e é um caçador implacavel, a unica forma de fugir dele, seria subindo em uma palmeira, caso contrario, ele iria te pegar.

        Luison – Um Tipo de besta muito ligado a morte, sua lenda pode ser considerado um misto de lobisomem e vampiro.

        • Sir Jones Kast, Ph.D.

          Show, cara, que demais. Muito bom.

          E esse Kurupi, hiem? Que bicho fdp.

          • Sparkster

            É irmão…. Caçador não pode vacilar na floresta.

          • Sir Jones Kast, Ph.D.

            Bicho “escroto”, eheh

  • Henrique Tavares

    Eu sou dos que não gosta dessa interpretação “god of war” do folclore brasileiro.

    E não é porque “quero que seja infantil como do Monteiro Lobato” (que já é outra questão que já falei muito e nunca ninguém ouve, então nem vale mais a pena gastar bala com isso). Eu acho justamente uma interpretação bem pobre do que é ser sombrio. Você perde a noção do sombrio com identidade brasileira do folclore brasileiro, e faz só fez uma roupagem dark e edgy estilão Marvel/DC dos anos 90.

    Coloca dez mil chifres, pinta com cor escura, faz uma cara de mal, coloca um curupira todo marombado, cheio de músculo e tanquinho pra parecer que é um bicho forte, ou uma mulher indígena toda sexy e com decotão e roupa colada. Que preguiça. A iniciativa é ótima, mas o resultado acho muito pouco empolgante.

    • Cara, OBRIGADO. To cançado de falar isso. O pior são as pessoas dizendo “folclore brasileiro pode também ser foda”, mas dpeois fazendo um copy and paste dos modelos internacionais pra justificar o argumento. O folclore não precisa ser americanizado pra ser foda, basta entende ro contexto de onde ele veio.

  • Tão poucos comentários, o que está acontecendo com o povo?

    • Sir Jones Kast, Ph.D.

      Pouco feedback, falta de humildade de outros…
      <3

      • Isso mesmo.
        As pessoas deveriam comentar mais, o podcast já é gratuito.

  • Fabricio Souza

    Baixando todos os episodios possiveis aqui, o cast de vocês e sensacional!

  • Da série “O Mundo Freak Me Inspira A Desenhar”

  • Aline Brum

    Oii.
    Eu gostei muito do convidado. Esse episódio tá muito bom! Aguardo os próximos. ;)
    Adorei a explicação da lenda do Saci, principalmente sobre a parte do gorro. Quero mais episódios sobre as lendas brasileiras com o Andrioli.

    Bjos pra todo mundo! ;*

  • Estou ouvindo de novo. Esse episódio ficou muito legal!

  • Rodrigo Mokepon

    Criadores de Mula-sem-cabeça? Eles tem um Tinder exclusivo para padres?