Ponto G 02 – As mulheres do Ponto G

Reproduzir

Bem-vindo a mais um programa Ponto G, um podcast feito por mulheres para todos os gêneros. Neste segundo programa você irá conhecer quem faz este projeto acontecer e porque estas minas estão aqui no Mundo Freak.

Para quem é ouvinte de podcasts, normalmente está acostumado somente com os apresentadores, mas no Ponto G o grupo de colaboradores vai muito mais do que meramente pessoas que resolveram gravar um bate-papo, prepare- se para ouvir com respeito e atenção o que elas tem a dizer:

Beatriz Santos, tradutora e revisora; Dani Freitas, excelente locutora; Deborah Cabral, jornalista e especialista em comunicação digital, Ísis França Silva, TI e comunicadora, Jessica Torlezi, vídeo maker, Ju Viana, professora, Juliana Ponzilacqua, professora e germanista, Trevisan Mir, socióloga e policial, Tupa Guerra, historiadora e Ira Croft, publicitária e dona da porra toda.

Para baixar o programa em .rar, clique aqui com o botão direito e clique em ‘Salvar Link Como‘.

Sobre Iracroft

Ver todos os posts

Nascida no planeta Blastófila Blasmóide, viajou pela Terra do Nunca para hoje escrever sobre seus sonhos.

56 Comentários

Participe da conversa →

Facebook

comentários

  • Tenho certeza que vocês vão conseguir representar todas as mulheres que não se sentem ouvidas pela sociedade e também aquelas que são uma parte muito importante da nossa história.

    Parabéns a todas pela iniciativa e sucesso.

    • Juliana P.

      e é uma honra ter você como nossa ouvinte, Agatha! <3

    • Tupa Guerra

      Obrigada pela confiança!!

    • Ira Croft

      você é maravilhosa!

  • Fernando Ribeiro Rocha

    Obrigado meninas, por me fazer mais feminina e me fazer um ser humano melhor, isso me emociona; é como ver o mundo mais diversificado; é muito melhor do que ver o mundo só mundo preto e branco, de homem machista mediano, me lembra um filme que depois que nos libertamos vemos cores nas coisas, e isso que vocês fazem, meninas do meu coração.

    • Ira Croft

      Eu também estou aprendendo muito.

  • “Os homens são educados para ajudar, não para fazer.” Que definição maravilhosa.
    Eu ouço, regularmente, uns 45 podcasts, mas a maioria das mulheres com as quais convivo sequer sabem o que é podcast, quando eu apresento algum elas ficam com a impressão de que é algo masculino (porque só tem homens participando). Fico muito feliz por ver a participação feminina crescendo também na podosfera, ótimo trabalho. ;)

    • Fernando Ribeiro Rocha

      Adorei essa parte também, me senti um inútil e com vergonha por tomar consciencia da verdade.

    • Ira Croft

      Valeu, Ellen, vamos divulgar mais e breve faremos um especial falando de mais projetos femininos nessa imensa internet. Existem muitas mulheres produzindo conteúdos, sempre existiu e agora precisamos e mostrar isso. <3

  • Quem?

    Eta cuzõ… Hoje veio a torcida do Flamengo gravar… Vou até ouvir depois.

  • É um episódios 2 com muita cara de episódio 1. hasuahsa
    Mas muito bom! Citou Bilu, já é um cast maravilhoso <3

    • Ira Croft

      o primeuro foi para chamar a atenção e e instigar, o segundo foi para marcar e viciar! hahahha

      • E o terceira será para escravisar e dominar?

        • Jessica Torlezi

          Você descobriu nosso segredo, vamos ter que te neutralizar agora!!

  • Caraca quanta gente que eu ainda não conheço! =O
    Bora conhecer XD

  • Gharcia

    Olá Ponto G!

    O primeiro foi “o que é”
    O segunbdo foi “quem somos”
    Espero ansioso pro próximo: “O que fazemos” ^_^

    Olha.. eu gostei mesmo de ouvir esse podcast… e queria… queria mesmo ouvir vcs como qlq outro podcast bom… (Mas meu lado Maria sentiu um quetinho no coração de só ouvir voz de menina… quem sabe esse não fala nada babaca né?)

    Sobre o episódio 2: A cada 100 ouvintes, 6 são mulheres: mulher não tem mais paciência pra ouvir gente babaca. E é muito podcaster babaca. E de babaca já basta amigos, colegas de trabalho, de faculdade, maridos, esposos, parceiros e né? Chega.
    Eu tento apresentar a mídia. Tento mesmo. Mas tenho contato, basicamente, com mulheres.
    É dificil não passar vergonha… muito difícil… esperançoso que vcs me ajudem com isso.

    Nota: tem um tanto de história pra vcs aqui:
    http://www.rejectedprincesses.com/

    • Gharcia sempre mandando bem nos comentários :)

    • Ira Croft

      Ainda vou escrever ou falar sobre isso, como publicitária acho que a responsabilidade de divulgação e convencimento da mídia é nossa, generalizando mesmo, a começar em planejar o que queremos, como faremos e onde queremos chegar. Com isso definir público que queremos atingir e como chegar até ele, ex. diferenciar o público que está na internet e quem não está. Eu mesma já cometi muitos erros indicando programas para quem não queria ouvir por não pensar que somos pessoas e pensamos diferentes, mas temos afinidades.

      Excelente comentário e muito pontual, Gharcia precisamos trabalhar mais nisso. E valeu pela dica. ;)

  • Jessica Torlezi

    Ainda com uma pontada de vergonha (sou tímida, gente), mas muito feliz de participar de algo tão fantástico assim!

    • Ira Croft

      <3

  • Nilda Alcarinquë

    Olá!

    Meninas, estava ansiosa pra saber o que era este projeto novo, e depois de dois episódios posso dizer que já garantiram minha audiência.
    Aos poucos, e do nosso jeito, vamos ganhando espaço nesse nicho de maioria masculina. E vai ser muito bom para todos.

    abraços

    • Ira Croft

      Obrigada, Nilda, sua opinião e participação é muito importante para nós. <3

  • Homem Que Não é Possível

    O primeiro foi legal, gosto de podcasts históricos, mas esse tava muito mimimi…

    • Ira Croft

      não é mimimi é uma apresentação de cada uma e porque elas toparam o projeto, normalmente o ouvinte só conhece os apresentadores.

      • Homem Que Não é Possível

        Mas o foco vai continuar sendo a mulheres história?
        Porque eu achei essa abordagem bem interessante!

        • Ira Croft

          Com certeza, esse é o objetivo esclarecer essas personalidades..a gente é só as porta-vozes, rsrsrs

  • Homem Que Não é Possível

    Pelo o que eu vejo no trabalho a questão de organizar as festinhas pro pessoal no trabalho: Geralmente o homem não se importa com isso, para ele não vale o esforço “Festinha no trabalho… ah, tá ok”.
    Quase sempre a iniciativa de fazer uma festinha vem das mulheres.

  • Parabéns pelo podcast! Acabei de escutar os dois e vou passar a acompanhar o Podcast. Seria possível fazerem um Feed para este podcast? Se não for, sem problema.

    Duas personagens históricas que gostaria de ouvir são: Joana D’Arc, simplesmente porque sou fã dela, rsrsrs; Helöise de Argentuil, pois além da história dela e Abelardo ser muito bonita, de uma maneira trágica pelo menos, as cartas escritas atribuídas a Heloise estabelecem o conceito de individualidade de uma maneira simplesmente genial, além de ter trazido o conceito de amor romântico. Há dúvidas sobre a autoria das cartas, há quem advogue que outra freira do convento teria feito para resolver questões políticas, entretanto, a sofisticação intelectual que elas apresentam, a própria ideia de subjetividade e individualidade quase modernas, coisas que os textos de Abelardo não levaram tão a fundo quanto ela, mostram que quem as escreveu é minimamente genial, por isso há quem advogue que seja efetivamente de Heloise.

    Desculpem comentar sobre ela, mas seria muito legal ouvir o ponto de vista de vocês sobre estas personagens, afinal, sendo homem é possível que eu faça uma leitura viciada, inclusive de Joana D’Arc, que se fosse católico, seria a Santa para a qual rezaria.

    Tudo de bom, vou acompanhar o trabalho de vocês!

    Parabéns!

    • Ira Croft

      Muito obrigada pelo seu comentário, por enqto vai ficar no mesmo feed já que ainda estamos nos estruturando.
      Sobre a Joana D’Arc você é a quarta pessoa que pede, acho que terei que subir esta personalidade na nossa lista e gravarmos logo, rs.
      :D

      • Aeeeee!

        http://4.bp.blogspot.com/-RFgr_0_7Xy0/VLQqvNG4qkI/AAAAAAAAAcM/kR8XYBLt2jA/s1600/JEANNE%2BDARC%2BJOANA%2BDARC%2BWALLPAPER%2BPAPEL%2BDE%2BPAREDE%2BSANTA%2BJOANA%2BDARC.jpg

        Aproveitando mais umas sugestões: Hannah Arendt,Rosa Luxemburgo, Simone Beauvoir, Aspásia (foi professora de Sócrates), Safo, Anália Franco (Importantíssima educadora brasileira), , Clara Schumann, Chica da Silva, Hildegard von Bingen, Juana Inés de la Cruz, Boudicca (Participei da gravação de um podcast sobre esse tema, e a Mey Linhares arrasou falando sobre Boudicca – http://projetorandom.com.br/randomcast-57-boudicca/), Mary Shelley (acho absurdo ela não ser considerada a mãe da ficção científica), George Sand, Maria Montessori, Sabina Spielrein, Nilse de Oliveira, Billy Holliday, Aretha Franklin, Nina Simone e Ella Fitzgerald.

        Até desculpem o excesso de sugestões.

        Como homem, sempre preciso lembrar que historicamente estivesse na posição de opressor, e ouvi-las sobre mulheres esquecidas na história é algo muito importante.

        Bem legal vocês se apresentarem, afinal, como apresentar mulheres que fizeram a história sem apresentarem as mulheres que estão fazendo história.

        Tudo de bom e desculpe pelo excesso de sugestões.

        Tiago de Lima Castro

        • Ira Croft

          Todas ótimas sugestões e a maioria já está em nossa lista tbm XD. Coincidência? hahahaha

  • Vinícios Oliveira

    To gostando muito do cast. Sugiro uma participação da Nilda, que gosto muito das participaçoes lá no papo lendário, já que a pegada do mundofreak se aproxima um pouco da do papo lendário as vezes em algumas temáticas.

    • Ira Croft

      Nossa amiga e referência, sim ainda participará. :)

  • Vinícios Oliveira

    Ah, também gostei bastante da música ao fundo, tanto do primeiro, quanto do segundo ep. Podem contar a trilha sonora usada? Achei de muito bom gosto

    • Ira Croft

      Estamos usando músicas livres e preparando uma biblioteca, mas vou conversar com nosso editar para disponibilizar a lista e dar os devidos créditos. :)

      • Vinícios Oliveira

        Por favor! As músicas desse episódio são a músicas ambientes perfeitas pra quando estou estudando haha!

        • Ira Croft

          próximo epi já vem a lista :)

  • Ultra com gola rolê

    AVANTE, GUERREIRAS DA JUSTIÇA SOCIAL!!!??????????

    • Ira Croft

      hhehehehehe

  • Metron Knows

    Meninas do Core, vocês são o baluarte de um novo tempo. Os alicerces da inumanidade teimam em não cair, mas a força e o brilhantismo de pessoas como vocês nos fazem levitar acima da descrença, e nos resgatam para o que é bom.

    • Ira Croft

      Uau! Preciso qualificar minha literatura para responder este nobre bardo com tal elegância, rs. Obrigada :)

      • Metron Knows

        S2

  • Edson Figueiredo

    Ótima iniciativa. Como ouvinte do Mamilos e do Anticast, sentia que ainda faltava algo como o podcast de vocês na web. Já escutei os dois programas e que venham outros. Parabéns.

    • Ira Croft

      Valeu, Edson vamos produzir muita coisa boa com a ajuda de vocês.

  • IGOR AZRAK

    Gostei mt do podcast e da proposta de apresentar as grandes personalidades femininas.

    • Ira Croft

      Amo a história da Olga, jamais poderia faltar em nossa lista. :)

  • Chibi Carol Martins

    Parabéns meninas!
    Muito legal conhecer o ponto de vista de vocês e a proposta que vocês estão trazendo.
    Trazer uma discussão com ponto de vista feminino para todos, independente de gênero é mega saudável.
    Ver a diferença entre cada uma de vocês só mostra o quão rico serão as discussões!
    Parabéns pela iniciativa e podem contar para o que for possível.
    Beijos
    Chibi

    • Ira Croft

      Valeu, Chibi
      A ideia é essa esclarecer, discutir, conhecer e respeitar.