Artigo

Jigokutsushin – A vingança japonesa.

         Salve, salve, nobres leitores! Aqui quem vos fala é o investigador Paulo Henrique Souza e desta vez iremos falar sobre um pouco de cultura POP e lendas urbanas, mas, é claro, não deixando de lado a internet. Você já sentiu ódio de alguém? Já quis se vingar e sabia que essa pessoa merecia passar a eternidade no inferno? Se a resposta é sim tenho uma solução para a vossa senhoria. Eu não, mas os japoneses, pois hoje falaremos de jigokutsushin.

tumblr_lnwsuxN6uU1qj1o5j

         Anteriormente no Japão existia uma lenda urbana que não possui dada exata de criação, mas que permeia os tempos bem antigos, onde se uma pessoa escrevesse o nome de alguém de quem queria se vingar em um papel e o soltasse em um certo ri (varia de versão para versão) apareceria uma garota que seria conhecida como Jigoku Shoujo: garota infernal, em tradução livre. Ela lhe entregaria um boneco de palha com uma fita vermelha, caso o possuidor do boneco puxasse a fita no espaço de 24h teria sua vingança concretizada e seu inimigo seria torturado e jogado no inferno. Contudo, nada é de graça: quando uma pessoa é amaldiçoada duas covas são cavadas e após a morte do possuidor do contrato, este também iria para o inferno.

Atualmente com o advento da internet, existe um site que supostamente faz todo o trabalho sujo (jigokutsushin.de), só pode ser acessado a partir da meia noite e fica aberto até 1 da manhã. Lá encontra-se um local para escrever o nome de seu “inimigo” e daí em diante a história se repete, internautas do mundo todo dizem ter visto a Jigoku Shoujo após brincarem nesse site. Não existem provas reais de que funciona, mas há pessoas que juram de pé junto que já funcionou.

futakomori2402lg

Esta história teve uma adaptação para o mundo da animação no anime “Jigoku Shoujo”. Escrito por Miyuki Etoo e tendo tanto o mangá quanto o anime lançados em outubro de 2005. Eu pessoalmente já entrei no site, mas não tive coragem de escrever o nome de alguém (devido à minha religião e por ser um beliver). Mas na época em que o anime estava bombando, me lembro de entrar em fóruns de discussão internacionais e de pessoas relatarem que escreveram o nome por brincadeira e por um acaso os indicados serem dados por desaparecidos.

Bom, espero que tenham gostado e agradeço por ficarem até aqui. Deixem nos comentários se já conheciam a lenda ou o site ou se teriam coragem de escrever o nome de alguém. A lenda é real? Os antigos que acreditavam deveriam ter algum motivo para tal? Ou apenas a internet pregando uma pegadinha? Dois avisos rápidos: como diria o filósofo contemporâneo, Seu Madruga, “A vingança nunca é plena mata a alma e a envenena”. Não olhem para trás!

MUNDO FREAK NO APOIA.SE