Artigo

Um conto de fadas chamado Over the Garden Wall

Estava sem muito tempo ou disposição para conhecer coisas novas, mesmo depois de nosso ouvinte Caciano Alison me recomendar essa série. Levou semanas até tomar coragem e antes de respirar já tinha terminado todos os episódios. Maravilhado, emocionado e extremamente satisfeito.

Criado por Patrick McHale – que já havia trabalhado em séries excelente como as Aventuras de Flapjack e Hora da aventura – e produzido pelo Cartoon Network. Over the Garden Wall é um conto de fadas moderno, com estética clássica, que se utiliza de elementos narrativos a lá irmãos Grimm e algumas referências animadas de cartoons antigos. Só isso já valeria a assistida, mas a série consegue ser ainda mais profunda.

A comparação com os irmãos Grimm reflete o quão sombrio os contos de fadas podem ser, compostos de lições importantes, situações assustadores, tudo envolvido pela fantasia quase surreal em que os irmãos se encontram.

Nota: Até o momento da elaboração desse texto, ainda não há qualquer atualização quando a Cartoon Network brasileira trazer para terras tupiniquins a obra. Apesar de não gostar de indicar isso, é bem acessível encontrar o desenho legendado por maneiras não convencionais. Google it!

Acompanhamos o responsável Wirt com seu animado irmão Gregory tentando sair de uma sinistra floresta a cada episódio, estão perdidos e tudo o que querem é voltar para a casa. No segundo episódio então conhecem a passarinha azul – que nos Estados Unidos é sinal de boa sorte. – Beatriz, que tem seus próprios segredos e busca ajudar os irmãos.

over-the-garden-wall1

Os três personagens principais conseguem ser complementos perfeitos um do outro. Wirt é o típico irmão mais velho, com noção dos perigos que podem topar por aí, Greg como o mais novo é o mais alegre e destemido e Beatriz acaba sendo a voz da razão diversas vezes enquanto implica com Wirt. Podemos ver entre eles é uma clara analogia com ID, Ego e superego.

A temporada única é composta por 10 episódios de de 10 à 12 minutos de duração, segundo o autor a história foi contada nesse primeiro arco e não terá a necessidade de criar novas temporadas. E para quem acompanhou até o final sabe o quão perfeito é a linha narrativa que te leva até o último episódio, que te faz grudar na cadeira. Até os episódios que parecem mais soltos e descompromissados tem algo a contar.

O mistério da série é composto de diversos personagens que formam uma trama que a primeiro momento não parece se conectar, até vermos que o Lenhador (woodsman) parece ser uma figura que conecta todos os momentos e apenas parece ter a intenção de ajudar os irmãos. Avisando-os de uma entidade conhecida apenas como “the beast” ( A besta).

Não tem como falar mais da série sem estragar algumas surpresas. Over the garden wall é extremamente curto e bem amarrado e é consideração máxima dentre todas as recomendações aqui já feitas por mim. O desenho alcança uma maturidade plena e apenas desejamos que a Cartoon invista em mais projetos assim no futuro e com toda a certeza ficarei de olho nos próximos trabalho de Patrick McHale daqui pra frente.

Mas antes de terminar preciso deixar um aviso:

Cuidado com a besta.

Isso é um rock fact.

tumblr_inline_ne6p4yNjck1r08424

MUNDO FREAK NO APOIA.SE