Artigo

O ocultismo em Hora da Aventura

Continuamos nossa série retratando algumas mensagens ocultas dentro da cultura pop e começo este artigo com uma pergunta: Até onde você acha que pode ir um desenho infantil quando o assunto é ocultismo?

É claro que não acredito que isso tenha algum objetivo escuso ou perverso. Não há pentagramas ou nuvens em formatos fálicos como alguns religiosos afirmam ver em várias animações. A maioria das referências por aqui são tão rápidas e obscuras que me atrevo a dizer que servem apenas como easter eggs bacanas que podemos analisar.

Ocultismo em Hora da Aventura faz parte de uma série de textos sobre essas mensagens subliminares e antes de começarmos é bom avisar que também já falei do ocultismo dentro de Full Metal Alchemist. Confira lá, caso não tenha visto.

Hora da Aventura

A história gira em torno de Finn, um garoto humano e Jake, seu cão mágico, que entram em diversas aventuras para salvar o reino doce do terrível Rei Gelado. Pelo menos é assim que qualquer sinopse indicaria. A questão é que tem muita coisa que o desenho não fala e ainda tem muita coisa a se revelar sobre o passado, presente e futuro da série.

O desenho trás, assim como tantos outros de sua época, centenas de referências da cultura pop. O mundo é retratado como algo parecido como uma fantasia “capa e espada” misturado com insanidade, pós apocalipse e um pouco de LSD. O principal lugar da terra de Ooo, o continente onde se passa todas essas aventuras, é o reino doce, onde a Princesa Jujuba (Bubblegun no inglês) e seu povo feito de doces mutantes parecem ser a sociedade principal do lugar e regem grande parte daquele território.

O reino doce já passou por diversos problemas envolvendo golpe militar, invasão zumbi, tentativas de assassinato e ainda certa levianidade de sua regente, que prefere ficar em seu laboratório fazendo experimentos bizarros do que qualquer outra coisa. Sua moral e ética são questionáveis.

Mas talvez o personagem mais misterioso e maligno dentro deste reino seja o fiel serviçal de Jujuba, o mordomo Menta (Peppermint butler). Ele parece ter um passado bastante sombrio envolvendo entidades obscuras da mitologia daquele mundo, como a própria Morte e o demônio Hunson Abadeer, pai da vampira Marceline. O mordomo também foi chamado de Senhor das Trevas no episódio “O pretendente”, como uma espécie de alcunha do passado. Mas talvez o mais absurdo feito do personagem seja ter invocado um demônio para dentro de Canelinha. O primeiro mistério talvez seja que o local do ritual tenha sido no mesmo lugar onde era aprisionado o Rei Lich, vilão supremo da série.

ocultismo hora da aventura

O demônio chamado “Ogdoad”, invocado pelo mordomo é uma referência a um grupo de 8 deidades adoradas no antigo Egito. Também referido no gnoticismo como as sete esferas: Sol, Lua, Jupiter, Mercurio, Marte, Venus e Saturno, com um adicional de uma oitava esfera suprema. Você pode ver uma imagem que representa as esferas abaixo.

G CIEL 1_025

Representação da Ogdóade (gnosticismo)

Outra representação na cena são as figuras do boi, anjo, leão e águia. Figuras esotéricas do misticismo e da doutrina cristã. Podem simbolizar, respectivamente: Os quatro evangelistas próximos ao trono de Deus: Lucas, Mateus, Marcos, João. Também, são representadas pelos anjos em forma das criaturas do livro de Ezequiel na bíblia: O primeiro rosto dessas criaturas era de homem; o rosto da direita era de leão, o da esquerda era de boi, e o de trás era rosto de águia. Também conhecidos como Cherubimor Hayyoth na Cabala.

entidade hora da aventura

Canelinha possuído

Também podem representar os quatro elementos: Terra (Boi), água (anjo), ar (águia) e fogo (leão). Que em contrapartida também representam os estados físicos da matéria:  Sólido, líquido, gasoso e Plasma.

Untitled-2E para você que ainda não se convenceu. Até Canelinha de cabeça para baixo tem um significado. No caso O Pendurado (Ou O Enforcado) é uma das cartas maiores do tarôComo um todo, há um sugestão de vida em suspensão, mas vida, não morte. A história natural é mais elevada incorporada neste simbolismo: após o sagrado Mistério da Morte há o glorioso Mistério da Ressurreição. A destruição do egoísmo vivifica a humanidade, e isto envolve o sacrifício que consagra.

Já o triângulo no qual o mordomo Menta fica é de mais fácil reconhecimento. É o símbolo da divina trindade (Pai, Filho, Espirito Santo) no cristianismo. Também no misticismo que representa a mente, o corpo e o espírito. Já na alquimia representa o sal, o mercúrio e o enxofre.

divina trindade

Seria o mordomo menta o Aleyster Crowley de Adventure Time?

Untitled-1

Outras referência bem bizarra e diretas ao ocultismo fica no episódio “All the little people” onde temos o personagem mais misterioso e esquizofrênico do desenho: O Mágico. Que invoca um feitiço e cria pessoas artificialmente animadas. Além de ser um episódio deveras depressivo e enigmático, as palavras mágicas usada pelo personagem feiticeiro remetem a Telema, do já citado Crowley: “Faz o que tu queres há de ser tudo da lei”.

640px-S5_e5_Magic_Man_casting_spell_on_the_bag

Ainda há dentro do desenho diversas mensagens subliminares e ocultas que já foram reveladas na série. Como o fato do mundo de Ooo ser uma realidade futurista do nosso mundo após uma guerra atômica. Sendo explicada além pelos diversos cenários apocalípticos, os mutantes e aberrações daquele mundo. O passado do rei gelado como um humano comum vivente antes da hecatombe e da relação amorosa entre Marceline e Jujuba, confirmada pela dubladora da vampira.

Um dos muitos mistérios da série ainda continua sendo a origem de Finn, o “único” humano conhecido da série. De onde veio? Como foi parar lá? Além é claro de diversas outras menores, como o fantasma da mulher, a origem da princesa Jujuba, a criação do Rei Lich, além das diversas divindades menores que protegem e regem aquele mundo.

Ainda montarei um mega post com essas curiosidades e mistérios em breve. Por enquanto ficamos por aqui e até a próxima matéria sobre o ocultismo na cultura pop.

MUNDO FREAK NO APOIA.SE